Matérias » Família Real Britânica

O que Diana teria falado sobre Charles assumir o trono?

Em um documentário lançado em 2020, um ex-editor do Daily Telegraph revelou comentários da Princesa de Gales que foram ditos a ele em particular

Ingredi Brunato, sob supervisão de Alana Sousa Publicado em 20/05/2021, às 17h00

Diana na polêmica entrevista em 1995
Diana na polêmica entrevista em 1995 - Divulgação/Youtube/BBC

Em 20 de novembro de 1995, foi ao ar na BBC uma entrevista que mesmo hoje, 26 anos depois, permanece bombástica. Trata-se, claro, da vez em que Diana falou sobre as razões por trás do fim de seu casamento. O divórcio oficial viria apenas um ano mais tarde, todavia o casal real já não morava junto desde 1992. 

Na transmissão que reuniu um número de espectadores britânicos que equivaliam na época a quase 40% da população da Inglaterra, a Princesa de Gales falou sua famosa frase “Éramos três neste casamento...então ficou um pouco lotado”, entre outras revelações impactantes.

Inclusive, ainda de acordo com a própria BBC, a entrevista só foi possível porque foi realizada em extremo sigilo, sem que figuras que costumavam mediar as interações da Família Real com a mídia ficassem sabendo. 

Segundo Sir Max Hastings, todavia, que atuava como editor do jornal Daily Telegraph em 1995, a Princesa do Povo teria manifestado suas intenções de falar sobre os bastidores de seu matrimônio infeliz muito antes. Ele revelou essa informação quando falou para um documentário lançado em outubro de 2020. 

Segredos de 20 anos atrás 

Na produção, que se chama “Diana: The Truth Behind the Interview” (ou, “Diana: A Verdade Por Trás da Entrevista”, em tradução livre), o editor fala de conversas em particular que supostamente teve com Diana até três meses antes da famosa transmissão da BBC. 

“Ficou claro, antes de tudo, o quanto ela odiava Charles. Sim, ela odiava Charles. E quando eu perguntei 'Houve momentos felizes?', ela disse 'Não, o casamento foi um inferno desde o primeiro dia'”, contou Hastings no documentário, o que foi repercutido posteriormente pelo site da revista People. 

Fotografia mostrando Diana e Charles durante casamento / Crédito: Getty Images

 

Ainda de acordo com Max, a Princesa de Gales estava “ansiosa para expor seu lado da questão” na época das conversas deles. Àquele ponto, vale lembrar, a notícia sobre o término dela com Charles já havia se espalhado fazia um tempo considerável, de forma que haviam muitas especulações. 

Conspirações e futuro da Família Real 

Outro assunto que teria sido abordado por Lady Di com o funcionário do Daily Telegraph foi relativo à sucessão do trono britânico. “Ela me disse muito explicitamente: 'Não acho que Charles possa fazer isso'”, relatou Hastings, ainda de acordo com a revista People. 

Assim, Diana seria da opinião de que quem deveria assumir a coroa após a morte da rainha Elizabeth II era William, e não seu marido. “Ela disse que tudo o que importava era a sucessão de William ao trono”, completou o jornalista. 

Max também comentou ter sentido, na ocasião, muita pena da princesa por conta de sua posição vulnerável. Ele contou que Lady Di o questionou ainda sobre a existência de “alguma conspiração que pretendia matá-la”, e ela de fato acreditava “nesse tipo de coisa”. O editor teria respondido que a possibilidade de uma conspiração dessas soava insana na visão dele, assim não apenas dividindo sua opinião sincera, mas também a acalmando. 

Princesa Diana em evento público no ano de 1983 / Crédito: Russ Quinlan / Wikimedia Commons

 

Por fim, o ex-editor contou à produção do documentário que o motivo pelo qual não tinha trazido o conteúdo dessas conversas a público antes foi porque sentiu que Diana havia contado muitas dessas coisas não necessariamente com a intenção de ter suas falas publicadas, mas apenas para desabafar.


+Saiba mais sobre Diana e a família real britânica por meio de obras disponíveis na Amazon:

Diana. O Último Amor de Uma Princesa, de Kate Snell (2013) - https://amzn.to/2TgHgPO

The Queen: The Life and Times of Elizabeth II (Edição Inglês), de Catherine Ryan (2018) - https://amzn.to/2RhgNA7

God save the queen - O imaginário da realeza britânica na mídia, de Almeida Vieira e Silva Renato (2015) - https://amzn.to/2xTkiGd

O Amor Da Princesa Diana, de Anna Pasternack (2018) - https://amzn.to/2xOZ8c9

A história do século XX, de Martin Gilbert (2017) - https://amzn.to/2yFZMcv

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7