Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Matérias / Entretenimento

O reality show que fez 12 mulheres acreditarem que se casariam com o príncipe Harry

Produzido pela Fox, o programa "I Wanna Marry Harry" recebeu inúmeras críticas

Redação Publicado em 03/07/2022, às 13h28

Sósia do príncipe Harry com a vencedora do programa, Kimberly Birch - Divulgação / Fox
Sósia do príncipe Harry com a vencedora do programa, Kimberly Birch - Divulgação / Fox

O canal de TV Fox transmitiu, no ano de 2014, um programa de TV bastante polêmico, baseado na ideia de um grupo de mulheres que se muda para um castelo no Reino Unido para disputar o coração de um príncipe.

Mas não qualquer príncipe! "I Wanna Marry Harry" ("Quero me Casar com Harry"), como o próprio nome sugere, tinha como objetivo final encontrar uma esposa para o neto da rainha da Inglaterra.

Pelo menos foi isso o que disseram às 12 participantes, que nutriram esperanças de um dia fazerem parte da realeza. A verdade era que 'Harry' jamais participou do programa, que contava com um sósia nem tão parecido assim: o inglês Matthew Hicks.

Loiro, o ator teve de passar por uma transformação para ficar mais parecido com o verdadeiro príncipe. Pintou o cabelo de ruivo, passou a utilizar roupas semelhantes às da família real e, constantemente, aparecia cercado por seguranças.

O "castelo" do programa e seus "funcionários" / Crédito: Divulgação / Youtube / Leslie

Reality adotou diferentes posturas

De acordo com o portal Honey, durante os primeiros episódios, o programa evitou dizer o nome da figura central do reality. Por outro lado, também o falso Harry se recusou a responder qualquer pergunta relacionada a temas mais pessoais como família ou mesmo sua história.

A partir do quinto episódio, porém, Hicks passou a confirmar para as mulheres que ele era realmente o irmão deWilliam, duque de Cambridge. Essa mudança de postura ficou ainda mais evidente quando, em certo momento, um "mordomo" disse em voz alta: "O senhor é de fato Sua Alteza Real o príncipe Harry de Gales".

O inglês Matthew Hicks / Crédito: Getty Images

A grande vencedora

A vencedora do concurso, Kimberly Birch, como era de se esperar, não se casou com Hicks. Assim como outras participantes, ela realizou diversas declarações alegando que as candidatas foram enganadas. A americana revelou, inclusive, que um membro da produção chegou a se passar por terapeuta para convencê-las a acreditarem neles.

Eles realmente chamaram um 'terapeuta' para entrar no set e conversar com algumas mulheres que estavam dizendo que não era ele", disse. Ela também contou que o profissional declarou às candidatas que elas deveriam "aprender a confiar em sua mente."

"Eu entendo que você está em um país diferente e não sabe o que está acontecendo, mas você tem que confiar nas pessoas aqui. Não é bom para você ficar questionando", teria dito ele.

O verdadeiro Harry durante cerimônia de casamento com Megham em 2018 / Crédito: Getty Images

Uma Meghan no programa

Além de um príncipe Harry, havia também uma Meghanno reality. Moradora de Dallas, no Texas, a artista Meghan Ramsey Jones, se inscreveu para o programa e acabou se tornando uma das figuras centrais do mesmo. Apesar disso, ela afirma nunca ter acreditado que estava de frente para o príncipe.

Apesar do programa não ter sido bem-aceito e, inicialmente cancelado, todos os episódios acabaram sendo transmitidos mais tarde nos EUA, no Reino Unido e na Austrália.