Matérias » Espaço

Por que Jeff Bezos foi para o espaço?

Homem mais rico do mundo participou do primeiro voo tripulado de sua empresa, a Blue Origin. Saiba mais sobre os passageiros, os detalhes da ‘missão’ e qual a verdadeira ambição do empresário

Fabio Previdelli Publicado em 20/07/2021, às 17h07 - Atualizado às 17h55

Jeff Bezos durante conferencia de imprensa sobre o voo
Jeff Bezos durante conferencia de imprensa sobre o voo - Getty Images

Na manhã de hoje, 20, conforme noticiou a equipe do site Aventuras na História, Jeff Bezos, o homem mais rico do mundo, foi para o espaço no primeiro voo tripulado de sua empresa, a Blue Origin, que é destinada a exploração espacial.  

Apesar da viagem durar apenas cerca de 10 minutos, o sucesso da ‘missão’ é um marco importante para outra área: a do turismo. Mas como assim? Nós te explicamos. Entenda todos os detalhes. 

O voo 

O lançamento do foguete New Shepard, que funciona sem piloto, estava marcado para acontecer às 10h da manhã no horário de Brasília, porém, a decolagem acabou atrasando um pouco e só partiu às 10h12. 

Momento da decolagem/ Crédito: Getty Images

 

A cápsula New Shepard foi lançada da base remota Launch Site One, que fica na região oeste do deserto do Texas, nos Estados Unidos. Para se ter uma ideia, a cidade mais próxima de lá, Van Horn, fica a cerca de 40 quilômetros. 

Dez minutos depois, às 10h22, Bezos e outros três tripulantes pousaram a salvos na região. O tempo foi suficiente para a cápsula ultrapassar os 100 quilômetros acima do nível do mar, na chamada Linha de Kármán.  

Como explica o G1, esse é o limite convencional para marcar o ‘início’ do espaço, embora a NASA e o Exército dos Estados Unidos considerem a barreira espacial um pouco mais baixa, a cerca de 80 quilômetros. 

A tripulação 

Como já dito, Bezos não estava sozinho nessa jornada, ele foi acompanhado de outras três pessoas: Mark Bezos, seu irmão, de 51 anos; o estudante Oliver Daemen, de 18 anos; e a astronauta Wally Funk, de 82 — Oliver e Funk, inclusive, se tornaram, respectivamente, a pessoa mais nova e a mais velha a irem ao espaço. 

Além de irmão, Bezos considera Mark como seu melhor amigo, conta o G1. Em um vídeo promocional produzido pela Blue Origin antes do voo, Jeff aparece abraçando-o enquanto o convida para o voo. “Acho que será significativo ter meu irmão lá”, declarou o empresário.  

Os irmãos Bezos, Daemen, e Funk/ Crédito: Divulgação/ Blue Origin

 

Mary Wallace Funk, também conhecida como “WallyFunk, é a pessoa com uma maior ‘experiência’ espacial entre os quarto, embora nunca tivesse saído da Terra antes. Como explica matéria da Época Negócios, ela é pioneira do setor aeroespacial. 

Em 1961, Funk fez parte do programa Mercury 13, que foi desenvolvido para levar mulheres ao espaço, porém, acabou sendo interrompido antes de tal feito. Sobre a experiência de viajar ao espaço, ela declarou: “Meu Deus, foi magnífico”. 

Ou último participante da ‘missão’ foi o estudante Oliver Daemen, que também era o único pagante entre os quatro, diz a Época Negócios. A vaguinha no New Shepard foi garantida por seu pai, Joes Daemen

A data e referências 

A data escolhida para a viagem ao espaço, 20 de julho, não foi uma arbitrariedade, muito pelo contrário, no dia de hoje é celebrado um dos maiores momentos da história da humanidade, afinal, há exatos 52 anos a missão Apollo 11 chegava na Lua e Neil Armstrong se tornava o primeiro homem a pisar em nosso satélite natural. 

O homem pisando na Lua/ Crédito: Divulgação / NASA

 

Mas as referências não param por aí, o nome do foguete, New Shepard, também remete a uma importante pessoa: o astronauta Alan Shepard, que se tornou o primeiro norte-americano a chegar ao espaço, em 1961, fazendo parte da missão Mercury-Redstone 3. 

Afinal, quais as ambições de Bezos? 

Como já dito no início da matéria, o voo de Bezos visa criar mercado em uma importante e lucrativa área, a do turismo espacial. Para se ter uma ideia, como explica matéria do G1, Oliver Daemen só conseguiu uma vaguinha nessa missão pelo fato da primeira pessoa a ter pago por ela ter ‘desistido’ de fazer o passeio de imediato. 

De acordo com o portal, o empresário, que preferiu ficar no anonimato, pagou 28 milhões de dólares para participar da tripulação. O valor foi referente a um leilão feito em junho. Entretanto, apesar da desistência em um primeiro momento, ele já disse que embarcará em algum futuro voo da empresa.  

Fotografia do empresário Jeff Bezos/ Crédito: Getty Images

 

Além disso, o sucesso do voo coloca Bezos no patamar de outros empresários que estão envolvidos no ramo: Elon Musk, da SpaceX; e Richard Branson, da Virgin Galactic. O primeiro, como todos já sabem, desenvolve junto com a NASA projetos para operações espaciais e se diz um otimista para a exploração de Marte. 

Já Branson ganhou uma maior notoriedade na semana retrasada, quando se antecipou a Jeff e organizou um voo ao espaço, que aconteceu no domingo, 11. Na ocasião, o empresário esteve acompanhado de dois pilotos e outros 4 “especialistas da missão”. 

Assim como Bezos, o voo de Richard também foi suborbital, ou seja, as espaçonaves não entram de fato na órbita da Terra — elas somente decolam e voltam ao chão, atingindo a altitude de 100 quilômetros acima do nível do mar, como explicado mais acima. 


+Saiba mais sobre o tema por meio de grandes obras disponíveis na Amazon

Picturing Apollo 11: Rare Views and Undiscovered Moments (Edição Inglês), de J. L. Pickering e John Bisney (2019) - https://amzn.to/2UcNKiD

NASA Mission AS-506 Apollo 11 Owners' Workshop Manual: 50th Anniversary of 1st Moon Landing (Edição Inglês), de Christopher Riley e Philip Dolling (2019) - https://amzn.to/2AEMRbO

Moonshot: The Flight of Apollo 11 (Edição Inglês), de Brian Floca (2019) - https://amzn.to/2XA5LK0

Moonfire - the epic journey of apollo 11 (Edição Inglês), de Colum Mccann (2020) - https://amzn.to/3ePsCqA

Moonbound: Apollo 11 and the Dream of Spaceflight (Edição Inglês), de Jonathan Fetter-Vorm (2019) - https://amzn.to/2Ue8iHo

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W