Matérias » Brasil

PSL compara facada em Bolsonaro ao 11 de setembro nos EUA

Segundo o partido, os dois episódios "impactaram a sociedade e deixaram marcas na história"

Joseane Pereira Publicado em 12/09/2019, às 07h00

None
Reprodução

Pelo Instagram, a liderança do PSL no Senado publicou uma foto comparando o atentado de 11 de setembro de 2001 nos EUA à facada recebida por Jair Bolsonaro em sua campanha eleitoral, em 6 de setembro do ano passado. A publicação ocorreu nesta quarta feira, 11-set-2019.

Segundo o perfil oficial do Instagram, "Há 18 anos um atentado nos Estados Unidos chocava o mundo inteiro: o ataque às Torres Gêmeas. Há um ano, o Brasil sofria um ataque à democracia: Jair Bolsonaro foi esfaqueado em meio a um ato público. Dois episódios que impactaram a sociedade e deixaram marcas na história".

Crédito: Reprodução

 

No atentado de 11 de setembro, cerca de 3 mil pessoas morreram e mais de 6 mil ficaram feridas. Além disso, milhares de pessoas desenvolveram doenças pulmonares como câncer, devido à inalação da nuvem tóxica deixada pelo desabamento do World Trade Center.

Em sua conta pessoal do Instagram, o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do Presidente, apoiou a nota do partido e repostou a publicação comentando “Minha solidariedade a todos os familiares de vítimas de terroristas“.