Matérias » URSS

Revolução Russa: todo o poder aos Bolcheviques

No dia 7 de novembro de 1917, Lenin e seus companheiros fizeram a primeira revolução marxista do século 20

Joseane Pereira e Isabel Butcher Publicado em 07/11/2019, às 08h00

Pôster soviético de 1947 mostrando Lenin, líder da Revolução Russa
Pôster soviético de 1947 mostrando Lenin, líder da Revolução Russa - Getty Images

No ano de 1917, a Rússia fervia. Em fevereiro, forças políticas de oposição retiraram o czar Nicolau II do poder, colocando toda a família Romanov para fora de cena e instaurando um sistema liberal-burguês. O país agora estava nas mãos do Governo Provisório, liderado pelo primeiro-ministro Alexander Kerensky.

O Governo ameaçou mudar a capital de Petrogrado para Moscou, sob o pretexto de escapar das tropas alemãs da Primeira Guerra, que se aproximam cada vez mais. Para os marxistas que controlavam a cidade, essa medida seria catastrófica – o que levou à criação do Centro Militar Revolucionário pelo soviete local.

Tratava-se de uma força armada, bem organizada e disciplinada, com o objetivo de levar a cabo a revolução. O sonho de Lenin era dos mais ousados, exigindo absoluta disciplina: ele planejava criar o primeiro Estado socialista do mundo, sem exploradores nem explorados.

A REVOLUÇÃO

Em novembro, o céu de Petrogrado continuava cinzento e com cara de chuva. Mas logo os bolcheviques iriam colorir a atmosfera com fortes tons de vermelho. Eles haviam crescido bastante nos últimos dias, controlando os sovietes mais importantes do país. Agora, não tinha mais jeito: sob o lema Todo o Poder aos Sovietes, um governo operário-socialista estava prestes a ser instaurado.

Organização da Revolução de Outubro / Crédito: Getty Images

 

“A Revolução de Outubro produziu de longe o mais formidável movimento revolucionário organizado na história moderna”, afirmou o historiador Eric Hobsbawm em seu livro A Era dos Extremos. Na madrugada do dia 25 de outubro, ou 7 de novembro segundo o calendário Gregoriano, os bolcheviques cercaram Petrogrado.

A central elétrica, a agência telegráfica, os Correios e o banco do Estado foram tomados por guardas vermelhos. O Exército Vermelho de Trotsky e os comunistas comandados por Lenin tomaram a capital. Muitos foram presos, mas Kerensky conseguiu escapar.

Com o sucesso do levante bolchevique, um novo governo foi formado, presidido por Vladimir Lenin e o Conselho dos Comissários do Povo. E as notícias sobre a grande revolução, que daria origem à URSS, logo se espalharam entre as muitas etnias que formavam a Rússia. Um dos principais resultados dessa Revolução, também, foi o início de uma grande Guerra Civil.


Saiba mais sobre a Revolução Russa pelas obras abaixo:

Outubro. História da Revolução Russa, China Miéville

Link - https://amzn.to/2ComS64

História concisa da Revolução Russa, Richard Pipes

Link - https://amzn.to/2NqoEdi

Era dos extremos, Eric Hobsbawm

Link - https://amzn.to/2Co9b6W

História da Guerra Civil Russa: 1917 - 1922, Jean-Jacques Marie

Link - https://amzn.to/2PVdP4p

A revolução russa, Sheila Fitzpatrick

Link - https://amzn.to/2JWbiDq

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.