Matérias » Curiosidades

Roubado em um carrinho de bebê: a saga do tubarão Helen

Em 2018, um homem se infiltrou no Aquário de San Antonio, em uma ação planejada que chocou os Estados Unidos

Isabela Barreiros Publicado em 11/11/2020, às 16h23

O tubarão conhecido como Srta. Helen
O tubarão conhecido como Srta. Helen - Divulgação - Facebook/San Antonio Aquarium

Visitar aquários e tocar em animais que vivem na água é uma experiência impressionante. Muitas pessoas vão até esses locais e aproveitam um passeio calmo, mas no final de julho de 2018, um episódio, no mínimo, peculiar chocou todos os presentes — e também quem ficou sabendo sobre o que havia acontecido.

Dois homens e uma mulher foram vistos carregando um tubarão-chifre, que tinha pelo menos 40 centímetros de comprimento, para fora do Aquário de San Antonio, no Texas, nos Estados Unidos. Aquilo era o resultado de um plano meticuloso articulado pelos três indivíduos. 

De acordo com um comunicado postado no perfil do aquário no Facebook, um dos funcionários do local informou ao seu superior que tinha observado atividades suspeitas vindas de um trio que estava perto de um tanque interativo, instalado para que as pessoas pudessem tocar nos animais, nesse caso, tubarões.

“Nossa gerente geral, Jen Spellman, alcançou os suspeitos no estacionamento e teve o acesso negado para revistar o veículo e o carrinho”, diz a nota. Mas isso não ficou por aí. Mesmo que ela não pudesse olhar o que estava dentro do carro, a polícia foi acionada e rastreou os suspeitos até a casa de um deles.

A surpresa foi maior do que o esperado: na residência encontrada, não estava apenas o tubarão roubado naquele momento, que levava o nome de Srta. Helen, mas também outros animais marinhos. A situação, portanto, não era única, pois havia uma piscina dentro da casa.

O episódio

Imagens da câmera de segurança mostra o trio / Crédito: Divulgação - Facebook/San Antonio Aquarium

 

Quando encontraram uma piscina com inúmeros animais aquáticos na casa de um dos detidos, tanto os policiais quanto os funcionários do Aquário de San Antonio perceberam que aquilo era mais que um ‘roubo’ comum. A ação provavelmente envolveu um plano meticuloso e foi exatamente isso que eles descobriram.

Um dos diretores do local, Jamie Shank, disse que já tinha visto um dos homens envolvidos no roubo no próprio aquário. Na verdade, ele até mesmo se infiltrou no estabelecimento, fingindo ser um funcionário do fornecedor de sal do aquário um mês antes do episódio em questão. 

Ele disse que o fornecedor havia enviado lotes ruins de sal, então foi enviado para testar todas as exposições do aquário, para que pudesse avaliar a qualidade da água. Na verdade, suspeita-se que ele estava apenas tentando desenvolver o melhor plano possível para tirar Srta. Helen dali.

Ainda no comunicado, o porta-voz do aquário escreveu: “Ele passou horas com Jamie em uma segunda-feira, cerca de um mês atrás, coletando amostras de nossos tanques para fazer testes. Acreditamos que a raiz de seu plano era dar uma olhada nos bastidores para que ele pudesse descobrir o que roubar e a melhor maneira de fazer isso.”

No dia do roubo, o trio andou pelo aquário sem tentar se esconder, á vista de todas as câmeras de segurança e outros visitantes. Um dos homens tirou o tubarão do tanque e o colocou em uma toalha molhada, levando o animal para a parte de baixo de um carrinho de bebê. Eles também pegaram um balde de água do local e levaram para o carro, onde Helen foi colocada depois.

Mas qual teria sido o motivo para esse roubo peculiar? Um dos detidos, Anthony Shannon, de 38 anos, disse que sua ação aconteceu porque um amigo o disse que os animais eram maltratados no aquário e morriam constantemente. 

"Foi errado simplesmente aceitá-lo assim. Mas, naquele momento, era apenas algo que eu tinha que fazer”, disse em entrevista à CBS San Antonio na época. “Sou um ativista, não um criminoso”, afirmou.

“Valorizamos a vida de todos os nossos animais e nos orgulhamos do cuidado que podemos dispensar a eles, bem como da educação que podemos oferecer ao público em geral sobre essas preciosas espécies. Estamos surpresos, mas muito gratos por ela ter sobrevivido a este evento catastrófico. Esse cara sabia o que estava fazendo, ou ela não teria sobrevivido”, afirmou o aquário na nota.


+Saiba mais sobre o reino animal por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Ocean: A Visual Encyclopedia, de DK Publishing (2015) - https://amzn.to/31L941I

Animals: A Visual Encyclopedia, de DK Publishing (2012) - https://amzn.to/33TNk6r

Life Lessons from the Heart of Horses: How Horses Teach Us About Relationships and Healing, de Kathy Pike (2021) - https://amzn.to/31JdYMA

Animal Kingdom: A Collection of Portraits, de Randal Ford (2018) - https://amzn.to/33QdKWN

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W