Matérias » Estados Unidos

17 anos de Toxic: saiba como Bollywood fez Britney Spears ter uma música atemporal

Ouvindo o produto final, é difícil imaginar a origem do instrumental de um dos clássicos da música Pop

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 17/01/2021, às 00h00

Trecho do clipe de Toxic, da Britney Spears
Trecho do clipe de Toxic, da Britney Spears - Divulgação/ Youtube

Em 13 de janeiro 2004, a carreira da diva do pop Britney Spears passava por um período morno, contudo, o cenário estava prestes a mudar: isso porque ela havia acabado de lançar uma de suas canções mais famosas, Toxic. 

A música se mostrou um hit instantâneo, invadindo as rádios de países ao redor do globo e entrando nas primeiras dez posições da Billboard Hot 100, ranking estadunidense que mostra as canções de maior sucesso na última semana. Vale ressaltar que foi o vídeo da música que resultou no único Grammy que a Princesinha do Pop carrega no currículo.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Nea Spears (@neaspears)

 

Contudo, algo que nem todos sabem é que por trás do sucesso estrondoso da melodia única e clipe de ares cinematográficos, tem fortes influências direto de Bollywood, a indústria cinematográfica da Índia, muito conhecida por seu caráter musical.  

Influências inegáveis 

Ao se fragmentar a composição de Toxic, é possível identificar três partes diferentes: os agudos gritantes produzidos por violinos, o som de base mais baixo, e a guitarra de acompanhamento. 

É possível rastrear cada um desses conjuntos de notas para obras indianas. Até a maneira sussurrada em que Britney Spears canta a letra de sua canção lembra os vocais indianos. 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Allan Kingsland (@kingallanthe1st)

 

Conforme divulgado pelo Insider em matéria de 2020, as duas primeiras das três partes mencionadas anteriormente, vem da música tema de um filme hindu chamado “Ek Duuje Ke Liye”, ou seja, tratam-se de samples (quando o artista reutiliza os detalhes de uma música antiga como forma de homenagem ou até mesmo para criar novas canções). 

O longa conta a trágica história de dois amantes vivendo um romance proibido. Eles são de etnias diferentes, e possuem até mesmo línguas distintas, mas se apaixonam mesmo assim, para a frustração de suas respectivas famílias. 

Ek Duuje Ke Liye foi considerado um blockbuster em 1981, ano em que foi lançado, conseguindo arrecadar o equivalente a 1,4 milhões de dólares.

Sua música principal, chamada “Tere Mere Beech Mein”, possui os dois trechos que foram depois sobrepostos e na criação de Toxic. Os produtores da música de Britney, que provavelmente se encantaram pela combinação, optaram pela compra dos arranjos. 

Trecho de clipe da música "Tere Mere Beech Mein" / Crédito: Divulgação; Youtube 

 

James Bond 

Caso os violinos gritantes do instrumental da música de Spears não crie uma atmosfera com perigo e adrenalina suficientes - a origem da melodia, afinal, também tinha esse objetivo, ao retratar um casal que se encontra às escondidas - ainda existe o acompanhamento de guitarra, que vem da trilha sonora dos filmes de um dos mais famosos espiões da cultura pop: James Bond

Na época do primeiro filme do agente secreto, o Dr.No, em 1962, os instrumentos elétricos eram usados de maneira que houvesse uma “reverberação molhada” nas músicas, lembrando assim o som de ondas. 

Foi também esse estilo que o Dr.No adotou em sua trilha sonora, ao mesmo tempo que, porém, adicionava à guitarra um ar de suspense - isso porque esse gênero musical passava uma atmosfera alto astral e relaxada, enquanto um filme sobre um espião precisa deixar sua audiência tensa e atenta aos perigos vividos pelo protagonista. 

Fotografia de James Bond em Dr.No / Crédito: Divulgação/ Youtube 

 

Para tanto, Monty Norman, o compositor das músicas do longa que daria origem à saga de James Bond, utilizou a mesma sequência de notas de um trabalho antigo seu, apenas mudando o tom e os instrumentos para algo que fosse mais apropriado para a estética que procurava. 

Esse trabalho antigo, vale dizer, era uma adaptação da novela "A House for Mr. Biswas", uma história sobre imigrantes indianos. 

Em uma ironia do destino, até quando os produtores de Toxic tentaram dar um ar de suspense à la James Bond para a melodia construída, até então usando uma música hindu, eles apenas adicionaram outra influência indiana ao hit.

Veja o vídeo abaixo com as duas músicas uma ao lado da outra.