Matérias » Nazismo

Salão Kitty, o bordel que foi transformado em centro de espionagem da SS

As prostitutas do local foram treinadas para identificar uniformes militares e a seduzir os homens no intuito de descobrir segredos interessantes aos nazistas

Isabela Barreiros Publicado em 12/01/2020, às 09h00

Capa do filme Salon Kitty (1977)
Capa do filme Salon Kitty (1977) - Divulgação

Em uma área rica de Berlim, o Salão Kitty começou apenas como um bordel requintado, propriedade de Katharina Zammit. Mas, durante a Segunda Guerra Mundial, seus clientes mudaram consideravelmente.

Zammit passava-se por Kitty Schmidt e administrava o estabelecimento desde o início dos anos 30, mas tentou fugir do país em 1938. Chegando na fronteira com a Holanda, foi levada para conversar com o oficial da inteligência nazista Sicherheitsdienst (SD), Walter Schellenberg. Ele fez uma proposta: ou o bordel mudava o seu funcionamento ou ela seria enviada a um campo de concentração.

O Salão Kitty reconstruído / Crédito: Reprodução

 

O que haveria de diferente no local? Schmidt teria que contratar um grupo de 20 prostitutas que estariam destinadas apenas a clientes que interessavam aos nazistas, como estrangeiros ou militares alemães com fidelidade contestada.

Além disso, foram instalados microfones escondidos em todos os quartos, e havia também uma sala de audição no porão onde um oficial nazista estava de prontidão para ouvir todas as conversas.

As 20 mulheres foram treinadas para reconhecer uniformes militares. Elas eram orientadas a alcoolizar os homens para que eles pudessem revelar segredos, e também a dormir com eles.

Mas a estratégia não teve bons frutos. O SD perdeu o interesse no bordel porque ele não havia sido útil aos planos nazistas. A operação terminou em 1942, quando os britânicos, através de um ataque aéreo, destruíram o prédio onde o Salão Kitty estava localizado. Acredita-se que aproximadamente 25.000 gravações tenham sido destruídas pelos agentes alemães.

Kitty Schmidt, com a promessa ao SD de que não contaria a ninguém sobre o projeto, reabriu o bordel em uma nova região e o geriu como um tradicional.