Matérias » Crimes

"Serial killer" de coelhos: o insólito caso que aterrorizou uma cidade francesa

O tétrico caso ocorreu entre 2018 e 2019, levando a uma comoção nacional e teorias bizarras

Victória Gearini | @victoriagearini Publicado em 02/05/2021, às 09h00

Imagem meramente ilustrativa de um coelho
Imagem meramente ilustrativa de um coelho - Divulgação / Pixabay

Em janeiro de 2019, as autoridades da região de Côtes-d’Armor, na Bretanha, nordeste da França, lançaram um comunicado à imprensa para ajudar a encontrar um “serial killer” de coelhos.

De acordo com uma notícia divulgada na época, pela Folha de S. Paulo, centenas de animais foram encontrados mortos de maneira misteriosa, em apenas dez meses.

Os crimes

Os assassinatos começaram em março de 2018. De acordo com a Folha de S. Paulo, o casal Eugène e Marie-L'Hévéder encontrou dois de seus coelhos mortos ao lado de suas gaiolas. Nos meses seguintes, outros animais da mesma espécie foram encontrados sem vida ao redor da propriedade.

Em um primeiro momento, os donos dos bichos acreditavam que pudesse se tratar de algum outro animal predador atacando os coelhos. No entanto, quando os últimos cinco mamíferos foram encontrados mortos, o casal decidiu acionar as autoridades. 

"Desde o final de agosto, um indivíduo entra em propriedades privadas de Minihy-Tréguier em que estão instaladas gaiolas de coelhos. Elas são abertas e, em seguida, os animais são mortos friamente, sendo que os cadáveres são deixados para trás. A polícia abriu um inquérito judicial", dizia o texto publicado pelas autoridades locais nas redes sociais, segundo divulgou a Folha de S. Paulo.

Coelhos mortos encontrados na casa dos L'Hévéder / Crédito: Divulgação / Facebook / Instinct Animal et Spirituel

 

Na época, Jean-Yves Fenvarc'h, prefeito de Minihy-Tréguier, disse à FranceInfo que o padrão dos crimes sempre era o mesmo. Isto é, os cadáveres não apresentavam sinais de ferimentos e nem de sangue.

As investigações 

O prefeito constantemente era cobrado sobre as investigações do “serial killer” de coelhos. Para solucionar o caso, as autoridades montaram uma lista dos moradores de Minihy-Tréguier, a fim de encontrar algum perfil suspeito. Contudo, não obtiveram respostas concretas. 

Rapidamente o caso tomou conta dos noticiários franceses e levantou a preocupação de  moradores e especialistas. Em entrevista ao canal de televisão M6, Sylvia Bréger, criminologista científica da polícia, demonstrou preocupação com os crimes. 

"Em algum momento, é possível que não seja mais suficiente matar animais e que o assassino possa se voltar para os seres humanos: crianças, mulheres, homens”, disse a especialista durante uma entrevista reproduzida no Télégramme e divulgada pela Folha de S. Paulo.

Logo após a repercussão da reportagem, o prefeito de Minihy-Tréguier lamentou os ataques aos coelhos. Já os moradores passaram a temer pela segurança da população da cidade francesa. 

O possível culpado

Na época, as autoridades locais confirmaram que as lesões encontradas nos cadáveres dos coelhos foram causadas por mordidas de um ser carnívoro. Ainda de acordo com as investigações, a polícia chegou a alegar que o assassino, na verdade, seria um cachorro.

"Um ou mais cachorros são perfeitamente capazes de abrir as gaiolas por conta própria e retirar coelhos para matá-los", revelou à Franceinfo, o veterinário François Boulange, responsável por fazer as autópsias.

De acordo com a Folha de S.Paulo, o especialista alegou, ainda, que o ato de abandonar os cadáveres é uma ação comum entre os cães mais selvagens. "Dois veterinários realizaram esses exames e, sem consultar um ao outro, concluíram em todos os casos que se tratava de mordidas de cães”, disse François Boulange à Franceinfo.


+Saiba mais sobre serial killers por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Psicopata Americano, de Bret Easton Ellis (2020) - https://amzn.to/34yE1t1

Serial Killers - Anatomia do Mal: Entre na mente dos psicopatas, de Harold Schrechter (2019) - https://amzn.to/39YVlGK

De frente com o serial killer, de Mark Olshaker e John E. Douglas (2019) - https://amzn.to/2UX47R4

Lady Killers: As mulheres mais letais da história, de Tori Telfer (2019) - https://amzn.to/3c7BoPb

Mindhunter: O Primeiro Caçador de Serial Killers, de John Douglas e Olshaker Mark (2017) - https://amzn.to/2xccb7L

Ted Bundy: Um Estranho ao Meu Lado, de Ann Rule (2019) - https://amzn.to/3cauuc9

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W