Matérias » Reino Animal

A triste saga do animal mais 'feio' do mundo

O peixe que recebeu o nome de Mr. Blobby, na verdade, tem uma aparência muito mais amena quando encontrado em seu habitat natural

Giovanna de Matteo Publicado em 06/10/2020, às 09h30

Mr. Blobby foi eleito o animal mais feio do mundo
Mr. Blobby foi eleito o animal mais feio do mundo - uglyanimalsoc.com

Em 2003, um total de 20 cientistas decidiu iniciar uma busca nas profundezas do oceano. A pesquisa propôs a descoberta de novas espécies de peixes e invertebrados que foram encontrados no Mar da Tasmânia, a 2 mil metros de profundidade.

O resultado foi bem satisfatório, sendo possível ter cadastrados diversas espécies marítimas, e muitas peculiares. Entre eles, um peixe ficaria famoso: começava a saga de Mr. Blobby (ou Senhor Bolha), como foi denominado o animal da espécie Psychrolutes marcidus.

Todavia, foi apenas em 2013, dez anos depois de sua descoberta, que o peixe começou a ganhar fama. Com uma aparência insólita, ele entrou em uma competição internacional promovida pela Ugly Animal Preservation Society’s (Sociedade Internacional para a Preservação do Animal Feio).

Apesar de o evento ter contado com diferentes animais do mundo todo, que poderiam ser considerados bizarros, Mr. Bobbly parece ter superado todos eles ao vencer o concurso. E ganhou de lavada.

Seu rosto carrega um sorriso amargo e um nariz redondo, que até lembra o personagem de Star Wars, Jabba the Hutt. Sua coloração vem de um rosa claro, e seu corpo tem um caráter estufado e inchado.

Peixe Mr. Bobbly, à esquerda (crédito: Divulgação / Twitter); Personagem Jabba the Hutt, de Star Wars, à direita (crédito: Wikimedia Commons)

 

Mas nem tudo são flores. Mr. Blobby, na verdade, não é tão feio quanto parece. Em seu habitat natural, de 600 a 1,2 mil metros abaixo da superfície do mar, ele parece um peixe comum, entretanto, ao ser tirado das profundezas e ter sido trazido para a superfície, o seu corpo - que possui ossos flexíveis e uma carne "molenga" -, começou a inchar devido a baixa pressão atmosférica. 

Foto comparativa do peixe da espécie Psychrolutes marcidus em seu habitat natural (esq.), e como ele fica quando retirado das profundezas do mar (dir.) / Divulgação / Twitter 

 

E foi assim que descobriram que, na realidade, o que causou a feiura que vemos no animal foi uma deformação, consequência de tê-lo tirado de seu ambiente natural. Desse modo, podemos dizer que sua saga como animal mais feio do mundo não passa de uma distorção corporal.

Com isso, a fama que o levou a ser considerado o animal mais bizarro do mundo e o manteve para visitação no Museu Australiano, não deveria existir.


+Saiba mais sobre o reino animal por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Ocean: A Visual Encyclopedia, de DK Publishing (2015) - https://amzn.to/31L941I

Animals: A Visual Encyclopedia, de DK Publishing (2012) - https://amzn.to/33TNk6r

Life Lessons from the Heart of Horses: How Horses Teach Us About Relationships and Healing, de Kathy Pike (2021) - https://amzn.to/31JdYMA

Animal Kingdom: A Collection of Portraits, de Randal Ford (2018) - https://amzn.to/33QdKWN

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W