Vitrine » Personagem

Brigas judiciais e herança milionária: a conturbada fortuna de Prince

Após a morte do astro o patrimônio passou a ser administrado pelos irmãos do músico, gerando uma grande polêmica

Victória Gearini Publicado em 07/07/2020, às 18h00 - Atualizado às 21h05

Cantor Prince durante apresentação em 2008
Cantor Prince durante apresentação em 2008 - Wikimedia Commons

A fortuna do astro Prince atualmente está avaliada entre US$ 100 milhões e US$ 300 milhões — cerca de R$ 340 milhões e R$ 1 bi — sem contar os impostos. Desde a sua repentina morte, em 21 de abril de 2016, a herança do músico foi alvo de brigas e processos judiciais. 

O decreto judicial

Em 2017, ]Kevin Eide, o juiz do condado de Carver, decidiu que seis irmãos do astro teriam direito a herança milionária. "Os herdeiros do patrimônio estão determinados como Omarr Baker, Alfred Jackson, Sharon Nelson, Norrine Nelson, John R. Nelson e Tyka Nelson", disse Eide no veredito. 

Sem filhos e sem testamento, Prince não esperava que fosse morrer tão cedo, sendo um dos principais motivos que o levaram a não se preocupar com questões burocráticas dos seus bens, como disse o cantor em um entrevista à Rolling Stone, em 2014.

Após a sua morte repentina, diversas pessoas entraram na Justiça afirmando serem parentes de Prince, entre eles uma mulher que disse ter se casado secretamente com astro em Las Vegas e um músico que alegou que o cantor teria lhe oferecido toda a sua fortuna. Entretanto, Kevin Eide decretou que somente os irmãos legítimos do astro teriam controle de seus bens.

A fortuna milionária 

Atualmente, a fortuna de Prince é supervisionada por uma irmã e cinco meio-irmãos, nenhum nomeado por ele. Vale lembrar, ainda, que nem todos os parentes eram próximos ao artista, sendo que um deles não tinha contato com Prince a mais de 15 anos. 

Extremamente reservado, o cantor mantinha um cofre com músicas e vídeos inéditos em um porão na sua mansão, a Paisley Park. O material permaneceu secreto por anos, até que após a sua morte, caseiros detectaram mofo e danos causados por uma infiltração. Quando técnicos chegaram no local encontraram relíquias de Prince. Na época, duas meias irmãs entraram na Justiça contra a transferência dos artefatos para Los Angeles, alegando que incêndios florestais na Califórnia poderiam atingir a herança. 

Prince era extremamente reservado e ele mesmo decidia o que iria compartilhar com o público e o que iria guardar para si mesmo, portanto, os administradores da sua fortuna, na época, não discutiram o lançamento do conteúdo encontrado no cofre. Estima-se que mais de 11.000 itens tenham sido descobertos, entre eles cinco pianos e 121 guitarras personalizadas. 

A mansão Paisley Park 

Atualmente, a mansão de Prince foi aberta ao público, e a residência Paisley Park foi transformada em um grande santuário em homenagem ao artista. O pacote VIP custa em torno de US$ 100 — cerca de R$ 340 — e oferece experiências únicas aos turistas. No local é possível gravar, com a sua própria voz, algumas canções famosas, jogar pingue-pongue na mesa do cantor e tirar fotos na frente do ilustre piano de púrpura.

No entanto, alguns dos amigos mais próximos de Prince já declararam serem contra transformar o Paisley Park em um museu interativo e repudiam, ainda, alguns dos materiais do cofre terem sido liberados. Para eles, o artista era uma pessoa reservada e não iria gostar dessa exposição em cima da sua fortuna e de seus bens simbólicos. 

Em abril de 2018, os seis herdeiros entraram com uma ação contestando o fato do Paisley Park ser usada como uma transação de entretenimento. Além disso, três meios-irmãos fizeram uma petição contra o administrador do espólio. 


+Saiba mais sobre temas parecidos por meio de obras disponíveis na Amazon:

Elvis Presley. História, Discografia, Fotos e Documentos, de Gillian G. Gaar (2016) - https://amzn.to/2VOxvbv

Michael Jackson. A Magia E A Loucura, de J. Randy Taraborreli (2009) - https://amzn.to/3aAxBJn

Freddie Mercury: A biografia definitiva, de Lesley-Ann Jones (2013) - https://amzn.to/3eBbAgu

Bowie: A biografia, de Marc Spitz (2009) - https://amzn.to/2yAanpn

Selena Como La Flor (Edição Inglês), de Joe Nick Patoski (2006) - https://amzn.to/2XYvEn1

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W