Vitrine » Crimes

Brittany Renee Williams: O desaparecimento que pode ter sido solucionado 21 anos depois

O caso voltou a repercutir nos últimos dias, após uma mulher alegar ter evidências que comprovam ser a garota desaparecida

Victória Gearini | @victoriagearini Publicado em 17/10/2021, às 11h01

Brittany Renee Williams (à esq.) e Kaylynn Stevenson (à dir.)
Brittany Renee Williams (à esq.) e Kaylynn Stevenson (à dir.) - Divulgação / Youtube / NBC12 Richmond

Há 21 anos, Brittany Renee Williams, até então com sete anos, desapareceu misteriosamente de um lar adotivo, na Virgínia, nos Estados Unidos. 

Recentemente, o caso voltou a ganhar destaque nos noticiários internacionais, após uma mulher alegar ter evidências de DNA que comprovam que ela seja a garotinha que desapareceu duas décadas atrás. 

O misterioso desaparecimento 

Quando a pequena Brittany Renee Williams não compareceu à escola, os professores estranharam sua ausência. Na época, a garota vivia em um lar adotivo administrado por Kim Parker de Henrico, na Virgínia, nos Estados Unidos. 

Após a menina não ser levada a uma das audiências, as autoridades passaram a investigar o seu desaparecimento.

Trecho da reportagem da NBC 12 / Crédito: Divulgação / Youtube / NBC12 Richmond

 

Na época, Kim Parker de Henrico foi considerada a principal suspeita. A situação da tutora piorou quando a polícia descobriu que ela estava fraudando o dinheiro de seus filhos adotivos. Tal fato acarretou em oito anos de prisão.

As investigações 

Com o passar dos dias, as autoridades fizeram uma busca na casa da mulher, mas não encontraram nada. A suspeita, por sua vez, alegou que teria enviado a garota para a Califórnia, onde supostamente estaria sob os cuidados de duas outras mulheres — elas negaram as acusações. 

Sem respostas, os anos foram passando, e a polícia começou acreditar que Brittany Renee Williams estivesse morta. Para os investigadores, era quase impossível que a garota estivesse viva, já que estava desaparecida há muito tempo e sem a sua medicação para AIDS.

As novas evidências 

Nos últimos dias, o caso voltou a repercutir na imprensa internacional, após Kaylynn Stevenson revelar à NBC 12 que acredita ser a menina que desapareceu há 21 anos, na Virgínia.

Morando em Fort Wayne, Indiana, a mulher encontrou uma foto de Williams antes do sumiço, enquanto pesquisava sobre a história de sua família. 

Kaylynn Stevenson em entrevista à NBC 12 / Crédito: Divulgação / Youtube / NBC12 Richmond

 

“Eu me reconheço quando me vejo. Este sou eu!", disse ela em entrevista à NBC 12.

Segundo Stevenson, por muito tempo ela não se lembrou de sua infância. Contudo, o sobrenome "Williams" sempre lhe pareceu familiar. 

Assim como a garotinha desaparecida, a mulher possui cicatrizes em seu estômago e tórax. Além disso, possui uma verruga no pescoço que também bate com a descrição da criança.

O teste de DNA

Em entrevista à NBC 12, Stevenson revelou que chegou a fazer um teste de DNA com a  meia-irmã de Williams, chamada Anastasia McElroy. Para a sua surpresa, o resultado deu 95,83% de probabilidade delas serem filhas da mesma mãe.

Convencida de que seja a menina desaparecida, Stevenson passou a usar o nome "Brittany". Contudo, algumas dúvidas ainda seguem sem respostas, como por exemplo, o fato dela conseguir sobreviver sem as medicações para AIDS. 

O caso está sendo investigado pela polícia local e pelo FBI. A mulher, por sua vez, tem certeza que não tem AIDS. Por outro lado, afirma ser Williams.

"O sangue não mente e um teste de DNA não mente", disse ela à NBC 12.

+Saiba mais sobre outros casos relacionados ao tema por meio de obras na Amazon:

The Disappearance of Jean Spangler, de Charles River Editors (2018) - https://amzn.to/2z6PAKF

A verdade sobre o caso Harry Quebert, de Joël Dicker (2015) - https://amzn.to/3dn5sXE

O desaparecimento de Stephanie Mailer, de Joël Dicker (2019) - https://amzn.to/3dhUi6H

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W