Vitrine » Comunismo

Controversa vida luxuosa e capitalista de Fidel Castro é relatada por seu ex-guarda-costas em polêmico livro

"Ao contrário do que dizem, Fidel nunca renunciou às comodidades capitalistas ou escolheu viver na austeridade. Seu estilo de vida é de um capitalista sem nenhum tipo de limite", declarou o autor

Victória Gearini Publicado em 25/02/2020, às 19h00

Retrato de Fidel Castro
Retrato de Fidel Castro - Getty Images

Por anos, Fidel Castro manteve um padrão de vida luxuoso e controverso ao seu discurso político. A obra A Vida Secreta de Fidel, escrita pelo seu ex-guarda-costas, Juan Reinaldo Sánchez ,revela informações pessoais e confidenciais da vida do ex-líder cubano.

Sánchez trabalhou como segurança particular de Fidel por 17 anos. Assim, o empregado decidiu escrever um livro com histórias pouco exploradas pela mídia. Lançado no Brasil em 2014 pela Editora Paralela, a obra conta com a participação do jornalista francês Axel Gyldén.

Em entrevista à BBC, Sánchez afirmou ter participado do grupo mais secreto criado para proteger Fidel. Dentre as atividades que desempenhou, o ex-guarda-costas foi obrigado a experimentar todas as refeições do líder, com o objetivo de assegurar que não estivessem envenenadas. Além disso, o acompanhava em suas pescas submarinas com a função de espantar os tubarões.

Capa do livro A Vida Secreta de Fidel / Crédito: Divulgação Editora Paralela

 

"Neste livro ofereço provas de que Fidel levava uma vida de luxos. Nem todas as pessoas no mundo podem dizer que têm uma marina privada com quatro iates, um barco de pesca e mais de cem homens que cuidam de seus imóveis", disse Sánchez à BBC.

Em seu livro, Sánchez critica a vida luxuosa de Castro e revela informações exclusivas. Segundo ex-guarda-costas, o ex-líder possuía uma reserva de caça pessoal, mais de 20 residências e uma ilha privada com aquário de golfinhos e um restaurante sob o mar.

"Ao contrário do que dizem, Fidel nunca renunciou às comodidades capitalistas ou escolheu viver na austeridade. Seu estilo de vida é de um capitalista sem nenhum tipo de limite", disse à BBC.

Em 2006, a revista Forbes incluiu Fidel a lista dos 10 reis, rainhas e ditadores mais ricos do mundo. Segundo o veículo, sua fortuna era de US$ 900 milhões. Na época, o ex-líder cubano negou todas as afirmações relacionadas à sua imagem. O governo cubano desmentiu ainda as informações e alegou que Fidel se sustentava com apenas US$ 36.


Saiba mais sobre esta e outras obras sobre o Fidel Castro:

A vida secreta de Fidel, de Jun Reynaldo Sanchez e Axel Gyldén (2014) - https://amzn.to/2R0hLSb

Fidel Castro: Uma Biografia Consentida, de Claudia Furiati (2015) - https://amzn.to/2qIX5Dj

O Verdadeiro Fidel Castro, de Leycester Coltman (2008) - https://amzn.to/2KU8w1I

Fidel Castro. Biografia a Duas Vozes, de Ignacio Ramonet (2016) - https://amzn.to/2KSfQuS

Dossiê Fidel Castro, de Rodolfo Lorenzato (2013) - https://amzn.to/34kBS18

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.