Vitrine » Ciência

De coração artificial a transplante de cabeça: os bizarros experimentos de Vladimir Demikhov

Durante a Guerra Fria, o cientista soviético foi responsável por diversos avanços da medicina, a partir de experimentos em cães

Victória Gearini Publicado em 22/06/2020, às 22h01

Transplante em cachorro, feito por Vladimir Demikhov
Transplante em cachorro, feito por Vladimir Demikhov - Wikimedia Commons

Vladimir Demikhov foi um cientista soviético, considerado o pioneiro no transplante de órgãos, entre 1930 e 1950. Em busca de avanços médicos, o especialista foi o responsável por fazer experiências bizarras em animais, o que o levou a ser intensamente criticado e acusado de maus tratos.

Carreira científica

Em 1937, o russo desenvolveu o primeiro coração artificial que foi implantado com sucesso em um cachorro. Embora o animal tenha vivido por apenas duas horas após a cirurgia, o experimento foi considerado uma grande conquista, pois até aquele momento, nada parecido havia sido executado. 

Ao longo da Guerra Fria, no desejo insaciável de provar a supremacia científica, a União Soviética financiou experiências aterrorizantes. Com o discurso que estes estudos serviriam para aperfeiçoar técnicas médicas no transplante de órgãos em humanos, Demikhov obteve ajuda e incentivo do governo para realizar suas brutais experiências em animais domésticos.

Em 1946, realizou o primeiro transplante cardíaco e de pulmão. Um ano depois, Demikhov passou a trabalhar no Instituto de Cirurgia de Moscou, onde começou a estudar o transplante de fígado e rim. 

Na década seguinte, o cientista aprimorou suas pesquisas e técnicas experimentais, realizando, com sucesso, um transplante de coração ortotópico isolado em um cão, em 1951. Um dos animais que recebeu o órgão sobreviveu por mais de sete anos após a operação.

Em 1953, uma anastomose mamária foi alcançada com sucesso e, a partir disso, desenvolveu os princípios de revascularização do miocárdio. O principal objetivo de Demikhov era que suas técnicas clínicas fossem utilizadas, mais tarde, para salvar vidas humanas.

Transplante mais famoso 

Em 11 de abril de 1959, Demikhov chocou a imprensa internacional ao revelar que havia realizado um transplante inusitado: implantou a cabeça de um cachorro filhote no corpo de um pastor alemão. 

Com um estado de saúde aparentemente estável, o animal chamado de Pirat (pirata, em russo), sobreviveu por volta de três semanas com duas cabeças híbridas. O cachorro foi exposto a diversos estímulos e reagiu a todos de forma diferente, dadas as circunstâncias. 

Embora o caso tenha ficado conhecido internacionalmente em 1959, acredita-se que os experimentos tenham começado cinco anos antes, sob a supervisão do governo soviético, até que anos mais tarde o primeiro transplante de cabeça deu certo.

Críticas e premiação

Embora Vladimir Demikhov tenha sido duramente criticado pelos defensores dos Direitos dos Animais, o cientista entrou para a história da medicina, pois a partir de suas bizarras experiências, as práticas científicas começaram a ganhar força e a serem disseminadas.

Sua contribuição para a medicina é inestimável e permitiu expandir conhecimentos sobre técnicas de transplantes em humanos. Em 1998, Vladimir Demikhov foi contemplado com a Ordem por serviços prestados ao País, de Terceira Classe. No entanto, no mesmo ano, veio a falecer aos 82 anos. 


+Saiba mais sobre o tema por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Medicina Macabra, de Morris Thomas (2020) - https://amzn.to/2RzES5S

Medicina Dos Horrores: A História De Joseph Lister, O Homem Que Revolucionou O Apavorante Mundo Das Cirurgias Do Século XIX, de Lindsey Fitzharris (2019) - https://amzn.to/2uEVDDw

Cambridge - História da Medicina, de Roy Porter (2008) - https://amzn.to/38ZeyHN

Doenças que mudaram a história, de Guido Carlos Levi (2018) - https://amzn.to/33woA1R

A grande mortandade, de John Kelly (2011) - https://amzn.to/2vsqnZa

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W