Vitrine » São Paulo

Obra expõe conflitos e opções políticas que definiram o destino da cidade de São Paulo

“São Paulo: o planejamento da desigualdade” foi escrito pela professora e urbanista Raquel Rolnik e conta com prefácio assinado por Emicida

Rafaela Bertolini, sob a supervisão de Isabella Bisordi Publicado em 25/01/2022, às 14h45

Capa da obra "São Paulo: o planejamento da desigualdade" (2022)
Capa da obra "São Paulo: o planejamento da desigualdade" (2022) - Crédito: Reprodução / Fósforo Editora

São Paulo é uma das maiores metrópoles do Brasil, responsável por grande parte da economia do país. Há muito da história dessa cidade a ser explorada e a professora e urbanista Raquel Rolnik revisita um pequeno clássico do urbanismo brasileiro, “Folha explica São Paulo” de 2001, para atualizar e ampliar a obra para novos leitores.

Crédito: Reprodução / Fósforo Editora
Crédito: Reprodução / Fósforo Editora

Em “São Paulo: o planejamento da desigualdade”, Rolnik apresenta os conflitos, temas e opções políticas que definiram o destino da cidade, partindo de sua fundação até os dias atuais, incluindo episódios importantes do seu passado e do presente, como a pandemia da Covid-19, a greve dos entregadores de aplicativo e o incêndio da estátua do Borba Gato

Publicada pela Editora Fósforo, a obra é organizada em ordem cronológica, além de enriquecida com mapas e uma lista com todos os prefeitos da cidade. Com isso, ele também procura focar em momentos-chave de transformação urbanística e a gênese de todos os problemas da metrópole. A autora também procurou explicar a complexidade do seu pensamento crítico de forma acessível, utilizando a linguagem direta e simples para dividir seus estudos com todos, sem limitar a obra para apenas fins acadêmicos.

Além das palavras de Rolnik, o livro conta com o prefácio assinado pelo rapper e pensador brasileiro Emicida. Nele, o artista ilustra os processos descritos pela autora através de experiências pessoais, subscrevendo a tese de que a desigualdade da cidade é fruto de um projeto político. No entanto, ele deixa claro que enxerga o seu potencial de transformação, assim como ele mesmo diz:

“Acredito que nos encontramos, Raquel e eu, nesse desejo de ajudar a pensar (e também a construir) esse espaço público coletivo e saudável. Não é fácil, mas, como ela ilustra maravilhosamente bem nas páginas seguintes, nosso constrangedor abismo social e o gargalo no qual nos encontramos foram escolhas, assim como construir um futuro melhor também vai precisar ser.”

“São Paulo: o planejamento da desigualdade” está sendo lançado hoje, no 468º aniversário da cidade de São Paulo, e você pode adquiri-lo através da Amazon.


+Saiba mais sobre “São Paulo: o planejamento da desigualdade” através da Amazon:

“São Paulo: o planejamento da desigualdade”, de Raquel Rolnik e Emicida (2022) - https://amzn.to/3I29nsn

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W