Notícias » Astronomia

Nada de porta: Fotografias de Marte surpreendem

Imagens divulgadas recentemente pela Nasa mostram estrutura parecida com passagem

Ingredi Brunato, sob supervisão de Fabio Previdelli Publicado em 14/05/2022, às 09h12 - Atualizado às 22h04

Fotografia do Curiosity mostrando suposta porta
Fotografia do Curiosity mostrando suposta porta - Divulgação/ NASA

Imagens de Marte capturadas pelo rover Curiosity e publicadas pela Nasa no sábado passado, 7, chamaram a atenção de internautas por conterem uma abertura na rocha que se assemelhava a uma porta.

A estrutura, contudo, não era uma passagem para uma sociedade subterrânea de marcianos, para o desânimo de alguns, e sim uma pequena fissura com cerca de 30 centímetros de largura e 45 centímetros de comprimento.

Nas fotografias divulgadas pela agência espacial norte-americana, é preciso destacar que houve um aumento da imagem para mostrar o detalhe, o que pode confundir nosso senso de perspectiva. 

Versão menos aumentada da fotografia / Crédito: Divulgação/ Nasa

A rachadura é uma fratura e elas são abundantes em Marte e na Terra — não há necessidade de terremotos para produzi-las", explicou o cientista planetário Sanjeev Gupta em entrevista ao The Daily Telegraph. 

"Não há nada de estranho na imagem, estes são apenas processos geológicos normais", concluiu ele ainda. 

Vida extraterrestre

A missão do Curiosity, robô terrestre que vem explorando a superfície marciana desde agosto de 2012, é a de tentar encontrar vestígios de que o planeta vermelho é, ou, em algum momento, foi habitável para microorganismos. 

Uma das evidências mais significativas nessa direção foi encontrada em 2021, quando o rover identificou rochas que contavam com a presença de argila, um material que se forma em contato com água — a substância fundamental para o surgimento de vida. O fato foi repercutido pelo LiveScience

É importante lembrar, todavia, que até o momento os cientistas não descobriram nenhum rastro concreto de possíveis microorganismos marcianos.