Notícias » Entretenimento

Lola Bunny tem novo design menos sexualizado em Space Jam 2

“É importante refletir a autenticidade de personagens femininas fortes e capazes”, afirmou diretor

Isabela Barreiros, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 07/03/2021, às 08h00

Lola Bunny no Space Jam de 1996
Lola Bunny no Space Jam de 1996 - Divulgação

Com previsão de estreia em julho de 2021, Space Jam: O Novo Legado é uma sequência do famoso filme do Pernalonga com Michael Jordan lançado em 1996. Dirigido por Malcolm D. Lee e roteirizado por Ryan Coogler e Sev Ohanian, ele já deu o que falar nas redes sociais.

Além de mais moderna, — afinal, o primeiro foi lançado há 25 anos, — a produção também contará com uma mudança que tem como intuito “consertar” o que foi considerado um exagero do passado. A coelha Lola Bunny terá um novo visual menos sexualizado.

“Estamos em 2021. É importante refletir a autenticidade de personagens femininas fortes e capazes. No nosso filme, ela é a melhor jogadora do time — sem contar o LeBron [James], é claro”, afirmou Malcolm D. Lee em entrevista à EW sobre a decisão.

O design da coelha não apresenta mais as roupas curtas e seios enormes: agora, ela é uma jogadora de basquete. O diretor também contou que ficou chocado com o quão sexualizada a personagem era primeiro Space Jam.

No novo filme, o desafio nas quadras continua, e os Looney Tunes chamarão LeBronJames, um dos maiores jogadores de basquete da atualidade, para ajudá-los. O longa-metragem também contará com a participação das jogadoras Diana Taurasi, Nneka Ogwimike e Chiney Ogwumike, da WNBA.