Notícias » Política

Presidente do Mali sofre tentativa de ataque com faca dentro de mesquita

O coronel Assimi Goita exerce o cargo máximo do executivo malinês interinamente desde um golpe aplicado em agosto de 2020

Wallacy Ferrari, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 20/07/2021, às 11h24

Assimi Goita em cerimônia de posse
Assimi Goita em cerimônia de posse - Divulgação / YouTube / ORTM1

O coronel Assimi Goita, nomeado presidente do Mali durante o governo de transição, foi vítima de tentativa de homicídio durante a manhã desta terça-feira, 20, durante uma visita a uma mesquita na capital do país, Bamako. O ataque foi feito com faca, mas não chegou a atingir o chefe de estado, como informa o portal de notícias G1.

O militar celebrava o ritual islâmico de Eid al-Adha e foi retirado após a identificação dos dois suspeitos pelo ataque. Apesar de sair sem ferimentos, o golpe com faca atingiu um religioso que acompanhava a cerimônia no local. O responsável pela mesquita, Lautus Touré, foi entrevistado pela AFP e explicou detalhes do ataque.

"Foi depois a reza e o sermão do sacerdote, no momento em que ele ia sacrificar um cordeiro, que um jovem tentou apunhalar Assimi (Goita) pelas costas, mas no fim outra pessoa foi ferida"

Retirado do local por sua equipe de segurança, o presidente saiu caminhando tranquilamente e ainda acenou para outros fiéis na saída do edifício. Com sua posse efetivada no mês passado, Assimi lidera o governo desde o golpe que demitiu o presidente Ibrahim Boubacar Keita em agosto de 2020.