Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Tráfico de pessoas

Cubanos foram traficados para lutar na guerra da Ucrânia, descobre governo

Autoridades descobriram uma rede de tráfico humano em Cuba que recrutava pessoas para o conflito na Europa

Redação Publicado em 05/09/2023, às 15h59

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Sede do governo de Cuba em Havana - Divulgação/ Domínio Público
Sede do governo de Cuba em Havana - Divulgação/ Domínio Público

O governo do Cuba anunciou ter recentemente descoberto uma rede de tráfico de pessoas em seu país que recrutava indivíduos para lutar junto das tropas russas na guerra que atualmente ocorre na Ucrânia

O Ministério do Interior (…) está a trabalhar na neutralização e no desmantelamento de uma rede de tráfico de seres humanos que opera a partir da Rússia para incorporar cidadãos cubanos que vivem lá, e mesmo alguns de Cuba, nas forças militares que participam em operações de guerra na Ucrânia", afirmou Havana em um comunicado repercutido pelo The Guardian. 

Ainda conforme o veículo, o conflito que vem ocorrendo entre os países europeus ao longo dos últimos meses pode ter despertado uma antiga aliança datada da Guerra Fria que existia entre a Rússia e Cuba, como nações adeptas ao comunismo. 

Essa iniciativa do governo cubano, no entanto, que deixa claro seu desejo de não se envolver com a guerra, configura um momento de atrito entre os dois países. 

Quem está por trás? 

Até o momento, não foi divulgado se o governo da Rússia possui quaisquer conexões com a rede de tráfico humano descoberta no território caribenho. À medida que o conflito se arrasta, vale lembrar, Moscou tem contratado o serviço de diversos mercenários e expandido suas regras de convocação militar para enviar tropas de reforço à Ucrânia

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!