Notícias » Crimes

Importante acervo histórico é roubado após invasão da Faculdade de Direito de Recife

Os criminosos entraram no prédio da instituição pernambucana durante a madrugada e levaram diversos arquivos digitalizados

André Nogueira Publicado em 13/02/2020, às 10h56

Faculdade de Direito de Recife, Pernambuco
Faculdade de Direito de Recife, Pernambuco - Wikimedia Commons

Na madrugada da última terça-feira, 11, um prédio da Faculdade de Direito de Recife foi invadido por ladrões, que levaram uma série de equipamentos eletrônicos que preservavam um importante acervo da Instituição, gerando grande prejuízo, inclusive à pesquisa.

No local, funcionava o projeto Memória Acadêmica da faculdade, onde eram armazenados diversos arquivos digitais do acervo de pesquisa, como obras raras e documentos históricos que foram passados para os computadores durante quatro anos de trabalho.

Mesas do anexo da faculdade após perdas / Crédito: Polícia Federal

 

Segundo comunicado da Polícia Federal, foram roubados documentos da faculdade, três monitores, três CPUs, dois estabilizadores, um HD e outros objetos de valor. Os criminosos teriam passado por cima do telhado para terem acesso ao interior do prédio, passando por uma janela. As investigações já foram iniciadas, com coleta de impressões digitais e das imagens das câmeras de segurança.

A instituição, que existe desde 1827, ainda está calculando os prejuízos causados pela perda, mas muitos deles são inconcebíveis, dado que a ausência de muitos materiais atinge diretamente a produção científica da Faculdade e de uma gama de historiadores que poderiam ter acesso aos documentos perdidos.