Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Europa

Referendo sobre maconha é considerado inadmissível pela Itália

A decisão foi feita pelo Tribunal Constitucional do país na quarta-feira, 16

Paola Orlovas, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 17/02/2022, às 14h17

Imagem ilustrativa - Getty Images
Imagem ilustrativa - Getty Images

A realização de um referendo sobre a descriminalização do cultivo de maconha na Itália foi considerado “inadmissível” pelo Tribunal Constitucional do país, de acordo com uma declaração feita na última quarta-feira, 16. As informações são da Ansa.

Quem anunciou a decisão do Tribunal Constitucional italiano foi o presidente do Conselho, Giuliano Amato, que, em uma entrevista coletiva, afirmou que o referendo não tratava apenas da maconha, mas também de “narcóticos”:

Foi feita referência a substâncias que incluem papoula, coca, as chamadas drogas pesadas. E isso era o suficiente para nos fazer violar as obrigações internacionais”, disse Amato, que rejeitou o pedido de referendo.

A questão que seria votada com o referendo seria a descriminalização do cultivo da planta de cannabis quando não fosse destinada à venda. Caso o projeto fosse aprovado, o crime seria anulado e as penas de prisão, que vão de dois a seis anos, também.