Notícias » Israel

Mais de 1.800 anos: Moeda usada em rebelião judaica contra domínio romano é descoberta em Jerusalém

Com inscrições religiosas, o item do século 2 era utilizado para o pagamento de impostos em territórios dominados pelos judeus

Wallacy Ferrari Publicado em 13/05/2020, às 08h28

A moeda em foto de alta resolução
A moeda em foto de alta resolução - Autoridade de Antiguidades de Israel

Uma equipe de arqueólogos da Autoridade de Antiguidades de Israel (IAA) encontrou uma rara moeda emitida por rebeldes judeus durante o domínio romano no século 2. A moeda, localizada no Parque Arqueológico William David, pertence ao bairro judeu da Cidade Velha de Jerusalém.

De acordo com os especialistas da IAA, as inscrições apontam que a moeda foi confeccionada durante a rebelião de Bar-Kokhba, entre 132 e 136 d.C. De acordo com Donald Tzvi Ariel, representante da instituição, em entrevista ao The Jerusalem Post, entre “22 mil moedas encontradas na região, apenas quatro delas são do período de Bar-Kokhba”.

A moeda foi a primeira, em 40 anos, a ser encontrada com os padrões da época dessa batalha. Feita de bronze, tem cachos de uvas e símbolos judaicos esculpidos, além da inscrição “segundo ano de liberdade de Israel”. Seu uso era para pagamento de taxas e impostos em territórios controlados por judeus.

O verso da moeda, contendo a palmeira e a escritura de Jerusalém / Créditos: Autoridade de Antiguidades de Israel

 

No verso da moeda, há uma palmeira e a inscrição “Yerushalayim”, referente a palavra Jerusalém em hebraico. A cidade foi registrada para certificar a localidade de sua confecção.