Notícias » Brasil

Ministro da Educação afirma que Universidade deveria ser lugar “para poucos”

Milton Ribeiro também falou de reitores que criticaram o Governo

Fabio Previdelli Publicado em 10/08/2021, às 17h25

O ministro Milton Ribeiro
O ministro Milton Ribeiro - Palácio do Planalto/Wikimedia Commons

Em entrevista ao programa Sem Censura, da TV Brasil, o ministro da Educação Milton Ribeiro declarou que a universidade deveria ser “para poucos” na última segunda-feira, 9.

A fala se deu no contexto em que Ribeiro falava sobre o ensino técnico de institutos federais, do qual diz acreditar ser o futuro da educação no país, conforme explica o UOL. 

“Universidade, na verdade, ela deveria ser para poucos nesse sentido de ser útil a sociedade”, disse o ministro. 

Para explicar seu ponto de vista, Milton disse que, atualmente, o país vive uma escassez de empregos, dando exemplo de que engenheiros e advogados estão “dirigindo Uber” por falta de oportunidades.

"Se fosse um técnico de informática, conseguiria emprego, porque tem uma demanda muito grande". 

Além disso, Milton Ribeiro aproveitou a oportunidade para criticar alguns reitores de universidades federais que se manifestaram contra o presidente Jair Bolsonaro, dizendo que os mesmos não podem ser “esquerdistas” ou “lulistas”. 

“Respeitosamente, vejo que alguns deles optaram por visão de mundo à esquerda, socialistas. Eu falei para eles: se formos discutir essas questões, nunca vamos chegar a um acordo (...) As universidades federais não podem se tornar comitê político de um partido A, de direita, e muito menos de esquerda", completou.