Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Priscilla

Priscilla: Por que filme sobre esposa de Elvis Presley não terá músicas do cantor?

Após sucesso de 'Elvis', de Baz Luhrmann, 'Priscilla', de Sofia Coppola chama atenção por grande diferença: não possuir músicas de Elvis Presley; entenda!

Redação Publicado em 21/12/2023, às 08h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Cena de 'Priscilla', novo filme que gira em torno da esposa de Elvis Presley - Reprodução/A24
Cena de 'Priscilla', novo filme que gira em torno da esposa de Elvis Presley - Reprodução/A24

Em 2022, um dos filmes mais comentados do ano foi o icônico 'Elvis', de Baz Luhrmann, longa-metragem que narra parte da carreira do eterno 'rei do rock', desde sua ascensão musical até seu auge da fama. Para a surpresa de muita gente, pouco tempo após o lançamento, logo começou a ser comentada uma outra produção que gira em torno de uma história semelhante: 'Priscilla', inspirada na história da única esposa de Elvis Presley e em sua relação com o artista.

Dirigido por Sofia Coppola, o novo filme vai ser lançado no Brasil no próximo dia 26. Uma adaptação do livro 'Elvis e Eu', escrito pela própria Priscilla Presley, o filme acompanha narra quando a "adolescente Priscilla Beaulieu conhece Elvis Presley em uma festa e o astro se torna alguém completamente inesperado em momentos íntimos. Priscilla vive uma paixão arrebatadora com o Rei do Rock, ganhando um aliado na solidão e um melhor amigo", segundo a sinopse.

Baz Luhrmann, no caso, já é conhecido por ter dirigido outros filmes visualmente exuberantes e cheios de muita música, com apresentações e cenas que brilham aos olhos de qualquer um — como, por exemplo, em 'Moulin Rouge' (2001) e 'O Grande Gatsby' (2013). Logo, um aspecto que com certeza não falha em 'Elvis' (2022) é a trilha sonora que, obviamente, conta com várias das músicas mais famosas do rei do rock.

O novo filme de Sofia Coppola, mesmo que gire em torno de Priscilla e sua relação com Elvis, chama atenção por um detalhe: sua trilha sonora não conta com canções do rei do rock. Mas por quê?

Discordâncias familiares

De acordo com a Rolling Stone Brasil, Lisa Marie Presley — única filha de Elvis, que faleceu em 12 de janeiro de 2023, aos 54 anos, após um ataque cardíaco —, detentora dos direitos das obras do pai, concordou com Baz Luhrmann para a utilização de canções do pai no filme em homenagem a ele, inclusive encorajando a utilização de versões modernizadas para exaltá-lo; e realmente, interpretado por Austin Butler, Elvis é um verdadeiro ícone do rock no filme.

No entanto, o filme de Sofia Coppola não é centrado em Elvis, mas sim em Priscilla — que, conforme narra no livro 'Elvis e Eu', não vivia um conto de fadas, mas sim em uma espécie de "gaiola dourada".

Após o divórcio entre Priscilla e Elvis, em 1972, e a morte do artista em 1977, Lisa Marie se tornou a guardiã natural das composições do pai. E como ela não concordou com as representações negativas dele em 'Priscilla' — onde será interpretado por Jacob Elordi —, que o colocam como um homem abusivo, violento e controlador, além do fato de ela já ter uma relação conturbada com a mãe, Lisa Marieproibiu a utilização do acervo musical de Elvis no novo filme.

+ Enfureceu a filha de Elvis Presley: Veja as polêmicas envolvendo o filme 'Priscilla'

Lisa Marie Presley / Crédito: Getty Images

Por mais que pareça estranho que um filme que gire em torno de algum membro da família Presley não possua nenhuma música de Elvis, a verdade é que Sofia Coppola — que também dirigiu 'Maria Antonieta' (2006) — encarou a proibição como um desafio. Por isso, se envolveu na criação de uma trilha sonora simples e envolvente que deve acompanhar a jornada da jovem garota que ascendeu à realeza da música, que poderemos assistir em breve.

+ Por que a ex-esposa de Elvis Presley não se casou novamente?

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!