Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Arqueologia

Templos gregos de estilo dórico são descobertos na antiga Posidônia, na Itália

Localizada na atual província de Salerno, na Campânia, Itália, a antiga Posidônia foi fundada como colônia e dedicada ao deus grego Poseidon; confira!

Éric Moreira Publicado em 16/01/2024, às 10h20

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Fotografia aérea de local onde foram encontrados dois novos templos gregos na Itália - Divulgação/Ministério da Cultura italiano
Fotografia aérea de local onde foram encontrados dois novos templos gregos na Itália - Divulgação/Ministério da Cultura italiano

Arqueólogos na Itália encontraram ruínas de dois templos gregos de estilo dórico, até então, desconhecidos na cidade de Paestum, localizada no sul da Itália, na região da Campânia, onde no passado existiu a antiga colônia de Posidônia. Segundo um comunicado de imprensa emitido pelo Ministério da Cultura italiano, a descoberta ocorreu nas proximidades das muralhas da cidade.

Um dos templos descobertos é datado de cerca do século 5 a.C., e chamou atenção por preservar bem o estilo arquitetônico do estilóbato — uma espécie de plataforma que sustentava as colunas que serviam como base para o telhado do templo. Conforme descrito pelo Heritage Daily, o estilóbato possui 11,5 x 7,6 metros de tamanho, e possui características que sugerem que ele foi feito no estilo dórico (caracterizado por colunas robustas e sem base, e um capitel em formato de prato).

Além disso, também foram encontrados fragmentos dos capitéis das colunas do templo mencionado, que são comparáveis aos capitéis dóricos do Templo de Hera, localizado também no que outrora foi a Posidônia, dedicado à deusa Hera e um dos mais antigos em pé até hoje.

Já o segundo templo, encontrado no mesmo local, é ainda anterior ao primeiro. Os arqueólogos afirmam que provavelmente caiu no século 6 a.C., e suas características arquitetônicas e a cantaria foram recicladas para estruturar o templo mais novo.

+ Gregos foram os primeiros a criar rampas de acesso para deficientes, aponta estudo

Fotografia do local de escavação onde foram descobertos dois templos na Itália / Crédito: Divulgação/Ministério da Cultura italiano

As recentes descobertas confirmam que ainda há muito a fazer em Paestum [Poseidonia] em termos de escavações, de investigação, e também em termos de valorização. Depois de décadas de pesquisas, o Ministério da Cultura está dando impulso a iniciativas notáveis", afirma, por fim, o ministro da cultura italiano, Gennaro Sangiuliano.

Posidônia

Localizada na atual província de Salerno, na Campânia, Itália, a antiga cidade grega de Posidônia foi fundada como colônia por volta do ano 600 a.C. Na época, emergiu como importante centro religioso, sendo até os tempos atuais conhecida por três grandes templos na região, dedicados às deusas Hera e Atenas. Seu nome, por sua vez, é uma homenagem ao deus dos mares, Poseidon.

O fim de Posidônia, porém, ocorreu não muito depois, no século 3 a.C., quando foi anexada durante a expansão do Império Romano depois da Guerra de Pirro (280 a.C. - 275 a.C.). Desde então, a cidade foi renomeada para Paestum, como é chamada até hoje.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!