Matérias » Primeira Guerra Mundial

Ypres: há exatos 105 anos, começava a batalha mais sangrenta da Primeira Guerra Mundial

O confronto entre alemães e os Aliados visava controlar a cidade e suas posições vantajosas na costa norte da Bélgica

Fabio Previdelli Publicado em 19/10/2019, às 10h00

Primeira Batalha de Ypres
Primeira Batalha de Ypres - Getty Imagens

Durante a Primeira Guerra Mundial, a Bélgica foi um dos países que mais sofreu com os constantes embates, já que tiveram cidades inteiras reduzidas a escombros. Eles se tornaram vítimas, em um primeiro momento, das trincheiras cavadas às pressas e, depois, das centenas de bomba e munição que foram lançadas sem compaixão.

Há exatos 105, em 19 de outubro de 1914, perto da cidade belga de Ypres, as forças aliadas e as alemãs iniciaram a primeira das três batalhas para controlar a cidade e suas posições vantajosas na costa norte do país.

Precedentes do confronto

Depois que o avanço alemão pela Bélgica e pelo leste da França foi encurtado por uma vitória aliada decisiva na Batalha de Marne, no final de setembro daquele ano, começou a chamada ”Corrida Para o Mar”, quando cada exército tentava flanquear o outro a caminho do norte, construindo apressadamente trincheiras de valas conforme avançavam.

Depois que os alemães capturaram a cidade belga de Antuérpia, no início de outubro, as demais forças do país, juntamente com as tropas da Força Expedicionária Britânica (BEF) — comandadas por John Frenc — retiraram-se para Ypres. Chegando à cidade entre 8 e 19 de outubro, eles tinham como missão reforçar as tropas belgas e francesas que estavam lá.

Cada exército tentava flanquear o outro a caminho do norte, construindo apressadamente trincheiras de valas conforme avançavam / Crédito: Getty Imagens

 

Enquanto isso, os alemães se preparavam para lançar a primeira fase de uma ofensiva destinada a romper as linhas e capturar Ypres e outros portos locais, controlando as saídas para o Mar do Norte.

O dia 19 de outubro foi marcado pelo início de um período prolongado de combate feroz e sangrento. Enquanto os alemães abriram sua ofensiva pela província de Flanders, os Aliados resistiam firmemente, enquanto procuravam brechas para um contra-ataque sempre que possível.

Os embates continuaram, com inúmeras perdas para ambos os lados, até o dia 22 de novembro, quando a chegada do inverno forçou a batalha a parar. A área entre as posições estabelecidas por ambos os lados durante esse período, ficou conhecida como Os Salientes de Ypres, uma região que ao longo dos próximos anos seria palco de algumas das mais amargas e brutais batalhas da guerra.


Saiba mais sobre a Primeira Guerra Mundial:

1. A Primeira Guerra Mundial: Os 1.590 dias que transformaram o mundo (2017) - https://amzn.to/2Bqc078

2. Box 1914-1918: a História da Primeira Guerra Mundial  (2016) - https://amzn.to/33JxoQM

3. A Primeira Guerra Mundial - https://amzn.to/2MS57Rf

4. O horror da guerra: Uma provocativa análise da primeira guerra mundial - https://amzn.to/2MOJMIw

5. A primeira guerra mundial: História Completa (2013) - https://amzn.to/2P0HKrC

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível de produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.