Vitrine » Cultura

Diário ficcional introduz a Partição da Índia para o público jovem

“O Diário de Nisha” de Veera Hiranandani retrata a dura realidade da Partição através de memórias em um diário

Rafaela Bertolini, sob a supervisão de Isabella Bisordi Publicado em 16/11/2021, às 16h10

Capa da obra "O Diário de Nisha" (2019)
Capa da obra "O Diário de Nisha" (2019) - Divulgação / Darkside

Você já sentiu a sensação de que não pertencia a nenhum lugar? Nisha sentiu-se desnorteada por muito tempo dentro de seu lar: a Índia. Lançado pela Darkside Books, “O Diário de Nisha” traz o jovem leitor para conhecer a história de uma menina quieta e reservada, que adora observar o seu entorno para registrar os mínimos detalhes em seu diário, onde ela tem a liberdade de ser ela mesma, algo que no meio da Partição da Índia se tornou quase impossível.

A obra retrata através de memórias em um diário um dos maiores casos de tensão religiosa na História do mundo: a criação de dois estados independentes do governo britânico: a Índia e o Paquistão, respectivamente ocupadas pelo povo hindu e muçulmano. A garota, que é parte hindu e parte muçulmana, não sabe onde pertence e por ser tão jovem, ela não entende muito bem o que está acontecendo ao seu redor. Mas com o agravamento do cenário conturbado, sua família muda-se para um novo lar em busca de uma vida melhor.

Crédito: Reprodução / Darkside
Crédito: Reprodução / Darkside

A autora Veera Hiranandani conta sobre os bastidores da Partição da Índia através do diário da pequena Nisha, que mostra os seus conflitos internos e sua busca por um novo lar enquanto retrata a dura realidade da Partição e o seu impacto nas famílias inseridas no meio do caos. Assim, o leitor pode conhecer a história de ficção com um recorte histórico que movimentou milhões de pessoas a saírem de seus lares e atravessarem a fronteira, muitas perdendo a sua vida na travessia.

O livro venceu o Newbery Honor Award 2019, Walter Dean Myers Honor Award 2019 e Malka Penn Award para Direitos Humanos em Literatura Infantil em 2018, sendo que sua história se mantém atual e importante por se aproximar de outros acontecimentos da História, como a realidade de muitas famílias inseridas na Guerra da Síria.

O livro foi lançado em agosto de 2019 e após dois anos, ainda se mantém como uma obra indispensável na sua estante. Ele está disponível nas versões eBook e de capa dura na Amazon para você adquirir.


+Saiba mais sobre “O Diário de Nisha” e outras obras relacionadas através da Amazon:

1. O Diário de Nisha, de Veera Hiranandani (2019) - https://amzn.to/3ntuD33

2. A Guerra que Salvou a Minha Vida: Quando a guerra começa dentro de casa, de Kimberly B. Bradley (2017) - https://amzn.to/30t3ALY

3. O Diário de Myriam, de Philippe Lobjois (2020) - https://amzn.to/3cj8Owy

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W