Notícias » Brasil

Após receber multa, ‘Touro de Ouro’ é retirado da frente da Bolsa de Valores

Irregularidade foi apontada por entidade ligada à Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento (SMUL)

Fabio Previdelli Publicado em 24/11/2021, às 10h23

Estátua sendo retirada do local
Estátua sendo retirada do local - Divulgação/Instagram/@otourodeouro

Por volta das 21h57 da última terça-feira, 23, a estátua Touro de Ouro, instalada na frente da Bolsa de Valores (B3), foi retirada do empreendimento, que fica no Centro de São Paulo. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da B3. 

A remoção ocorreu depois que a empresa que produziu a obra foi multada pela Comissão de Proteção à Paisagem Urbana (CPPU), entidade ligada à Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento (SMUL). O órgão aponta que a escultura não possuí licença urbanística para ser colocada ali. 

Dessa maneira, o Touro foi embalado e tirado do local. Segundo informou matéria publicada pelo G1, ainda não foi divulgado para onde a estátua será levada. O espaço onde ela ficava, além da porta principal da B3 e parte da calçada, foi atingida por tinta vermelha por parte de manifestantes.  

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Pablo Spyer (@otourodeouro)

 

A instalação, de acordo com a CPPU, infringiu os artigos 39 e 40 da Lei Cidade Limpa. O valor da multa, porém, só será definido pela Subprefeitura da Sé, que administra a região onde fica a Bolsa.  

Outro agravante é que o órgão entendeu que a peça faz referência aos patrocinadores da obra — já que, além da escultura se parecer com a logomarca de uma das empresas, no pé da estátua também havia uma referência às companhias.