Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Descoberta

Autora de ficção avalia negativamente livros concorrentes em sites e é descoberta

A americana Cait Corrain foi descoberta após a ação que a fez perder contratos; nesta terça-feira, 12, ela se manifestou em uma carta no X

Redação Publicado em 12/12/2023, às 15h44

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
A americana Cait Corrain - Reprodução/Redes Sociais/X/@CaitCorrain
A americana Cait Corrain - Reprodução/Redes Sociais/X/@CaitCorrain

A americana Cait Corrain, autora de Crown of Starlight (“Coroa da Luz das Estrelas”), que seria lançado no próximo ano, foi descoberta após criar perfis falsos em um site e fazer avaliações negativas de obras de autores concorrentes. Após o flagra, ela perdeu contratos, foi confrontada e desculpou-se pela situação

Nesta terça-feira, 12, uma nova atualização do caso aconteceu, quando a autora de um livro de ficção científica escreveu uma carta em seu perfil no X, antigo Twitter. Na publicação, ela admitiu ter feito oito perfis falsos no site Goodreads, em que os leitores postam resenhas de livros, entre o ano passado e este ano, e comentou que por meio dessas contas, ela bombou a avaliação da própria obra. 

Além disso, ela comentou ter feito avaliações negativas de autores estreantes, incluindo de outros profissionais da mesma editora que ela, a Del Rey, do grupo Penguin. Vale destacar que foram os leitores do Goodreads que descobriram que Cait estava se passado por outra pessoa.

Segundo repercutiu o portal de notícias G1, a desconfiança aconteceu quando os leitores observaram que algumas obras ainda não lançadas, e que tinham a mesma temática que as obras de Cait, estavam com críticas muito negativas.

Outros detalhes 

Cait Corrain assumiu a ação quando foi confrontada. Na ocasião, ela disse: “Eu me culpo mais do que vocês jamais poderão imaginar. Não há nada que eu possa dizer que apague o que eu fiz com vocês”.

A empresa responsável pela publicação do livro de Corrain, que seria em maio de 2024, cancelou o lançamento após a repercussão do caso.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!