Notícias » Egito

Caixões, templo e máscara fúnebre: Achados em Saqqara prometem “reescrever” a história do Egito Antigo

No último sábado, 16, Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito anunciou descobertas incríveis que datam o Novo Reino, 1570 a.C. e 1544 a.C. Confira imagens!

Fabio Previdelli Publicado em 18/01/2021, às 11h36

Arqueólogo limpando um dos sarcófagos
Arqueólogo limpando um dos sarcófagos - Divulgação/ YouTube/ Al Jazeera English

No último sábado, 16, o Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito anunciou a descoberta de um esconderijo de túmulos antigos contendo centenas de caixões de madeira que datam do Novo Reino — 1570 a.C e 1544 a.C. O achado aconteceu no famoso sítio arqueológico de Saqqara.  

Além dos caixões, também foram descobertas máscaras fúnebres e um templo funerário, que os especialistas afirmam que “reescreverá” a história da região. As informações foram divulgadas pela CNN americana.  

Arqueólogos trabalhando no sítio arqueológico de Saqqara/ Crédito: Divulgação/ YouTube/ Al Jazeera English

 

Ainda no sábado, os arqueólogos anunciaram a descoberta do templo funerário da rainha Naert, esposa do rei Teti, o primeiro rei da sexta dinastia do Antigo Reino. Três depósitos de tijolos de barro, construídos para armazenar materiais e ferramentas usadas na tumba da rainha também foram descobertos anexados ao templo.  

Cerca de 52 sarcófagos que datavam do período do Novo Império, que estavam entre 10 e 12 metros de profundidade, também foram descobertos. 

Cenas de deuses adorados durante o período e trechos do Livro dos Mortos foram encontrados na superfície dos caixões, com especialistas observando que esta última descoberta, no antigo local, confirma que Saqqara foi usado como cemitério durante o período do Novo Império, e não apenas durante o período tardio. 

Alguns dos sarcófagos encontrados/ Crédito: Divulgação/ YouTube/ Al Jazeera English

 

Um esconderijo de 50 caixões de madeira antropoides, em bom estado de conservação, também foi descoberto por arqueólogos, junto com máscaras funerárias de madeira, um santuário dedicado ao deus Anúbis, artefatos em forma de pássaro e um machado de bronze. 

De acordo com Zahi Hawass, chefe da missão arqueológica, as últimas descobertas irão reescrever a história de Saqqara durante o Novo Império e afirmar a importância da adoração do Rei Teti durante a 19ª Dinastia do Novo Reino. 

Confira mais imagens:

Algumas das tumbas encontradas em Saqqara/ Crédito: Divulgação/ YouTube/ Al Jazeera English

 

Escritas encontradas nos sarcófagos/ Crédito: Divulgação/ YouTube/ Al Jazeera English

 

Vasos encontrados em depósito anexado ao templo/ Crédito: Divulgação/ YouTube/ Al Jazeera English

 

Restos mortais encontrados no local/ Crédito: Divulgação/ YouTube/ Al Jazeera English

+Saiba mais sobre o Egito Antigo por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

História do Egito Antigo, de Nicolas Grimal (2012) - https://amzn.to/3b5bJ9S

As Dinastias do Antigo Egito, de Charles River Editors (2019) - https://amzn.to/39ZSY6j

A Serpente Cósmica: A Sabedoria Iniciática Do Antigo Egito Revelada, de John Anthony West (2009) - https://amzn.to/2RtbzBo

Egito Antigo, de Stewart Ross (2005) - https://amzn.to/2K8tuJL

Como seria sua vida no Antigo Egito?, de Jacqueline Morley (2019) - https://amzn.to/2xkwTlL

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W