Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Céline Dion

Céline Dion perdeu controle dos músculos por conta de doença rara e incurável

Claudette Dion, irmã de Céline, deu mais detalhes sobre a saúde da cantora de 55 anos, que sonha em voltar aos palcos: 'Em que estado? Não sei'

Fabio Previdelli

por Fabio Previdelli

fprevidelli_colab@caras.com.br

Publicado em 19/12/2023, às 11h04

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
A cantora Céline Dion - Getty Images
A cantora Céline Dion - Getty Images

Em 2022, a cantora Céline Dion compartilhou que foi diagnosticada com a síndrome da pessoa rígida; doença autoimune rara e incurável — embora tratável — que afeta a coluna vertebral e o cérebro, fazendo com que estimulem excessivamente os músculos, causando espasmos e rigidez no corpo.  

+ Após revelar doença, Céline Dion luta para evitar aposentadoria precoce: 'Ela não desistiu'

Em entrevista ao site canadense 7 Jours, Claudette Dion, irmã de Céline, deu mais detalhes sobre o estado de saúde da cantora de 55 anos. "Ela não tem controle sobre os músculos".

Claudette ainda afirmou que os espasmos em Céline pioraram, mas garantiu que Dion "trabalha muito" para combater a doença e que deseja volta aos palco. Embora seu futuro ainda seja incerto. 

Nos nossos sonhos e nos dela, a ideia é voltar aos palcos. Em que estado? Não sei", declarou. "O que me parte o coração é que ela sempre foi disciplinada. Ela sempre trabalhou duro".

O histórico de Céline

Céline Dion já sofre por consequência da doença autoimune há algum tempo. Em janeiro de 2022, por exemplo, conforme recorda o The Guardian, ela cancelou as datas de suas turnê por sofrer espasmos "graves e persistentes". 

"Há muito tempo que venho lidando com problemas de saúde e tem sido muito difícil para mim enfrentar esses desafios… Infelizmente, esses espasmos afetam todos os aspectos da minha vida diária, às vezes causando dificuldades quando ando e não me permite usar as cordas vocais para cantar como estou acostumada", declarou em dezembro do mesmo ano. 

Já em maio passado, com a persistência da condição, Dion acabou cancelando as datas de suas futuras turnês. "Estou trabalhando muito para recuperar minhas forças, mas fazer turnê pode ser muito difícil mesmo quando você está 100%… Quero que todos vocês saibam: não vou desistir."

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!