Notícias » Vaticano

De acordo com cardeal da igreja, Bento XVI está com ‘dificuldade para se expressar’

Em agosto deste ano, a imprensa alemã informou que o papa emérito de 93 anos, enfrenta uma doença infecciosa

Penélope Coelho Publicado em 02/12/2020, às 12h48

Fotografia de Bento XVI
Fotografia de Bento XVI - Wikimedia Commons

O cardeal maltês Mario Grech informou que se encontrou recentemente com o antecessor do Papa Francisco, Bento XVI. Na ocasião, Grech afirmou que o católico de 93 anos enfrenta “dificuldades para se expressar”. As informações são da agência de notícias ANSA e foram divulgadas pelo portal Brasil Online.

"Foi um momento de alegria me encontrar com o papa Bento. Ver esse pastor, esse homem, com os anos que pesam sobre ele, mas ao mesmo tempo lúcido e sorridente e com vontade de comunicar sua experiência, nos encorajou muito”, afirmou Mario Grech.

Segundo revelado na reportagem, logo no início do encontro Bento afirmou: “O Senhor me tirou a palavra para me fazer apreciar o silêncio”.

De acordo com informações da imprensa alemã divulgadas em agosto desse ano, o papa emérito foi diagnosticado com erisipela na região de seu rosto, trata-se de uma enfermidade infecciosa que pode causar erupções e fortes dores.

Na época, a mídia da Alemanha também informou que apesar da idade avançada de Bento XVI, o homem mantém o “raciocínio e memória velozes”, contudo, sua voz é quase inaudível.

Sobre Bento XVI

Nascido em 16 de abril de 1927, Joseph Aloisius Ratzinger, é conhecido por ser Papa Emérito e Pontífice Emérito da Igreja Católica. O homem esteve no mais alto cargo da Igreja Católica de 2005 a 2013.

Desde que renunciou ao cargo,Bento XVI tornou-se o primeiro a tomar essa atitude em quase 600 anos. Na época, o homem alegou que seus motivos para deixar sua função foram causados por problemas de saúde. Desde então, o ex-papa vive em um pequeno mosteiro do Vaticano.