Notícias » Império Romano

Estátua de 3 metros do imperador romano Trajano é encontrada na Turquia

A escultura foi feita em 113 d.C., quatro anos antes da morte do imperador

Alana Sousa Publicado em 04/04/2019, às 16h30

A estátua
A estátua - Reprodução

Uma estátua de três metros de altura e quase dois mil anos de idade do imperador romano Trajano foi encontrada sob uma fonte na antiga cidade turca de Laodiceia. A escultura foi reconstruída a partir de 356 peças, que estavam submergidas na antiga fonte d’água.

Os arqueólogos responsáveis pela descoberta são do Comitê de Escavação da Cidade Antiga de Laodiceia, da Universidade de Pamukkale, na Turquia. Celal Şimşek, o líder do projeto, afirmou que a obra foi “provavelmente esculpida por um artista que viu Trajano pessoalmente”.

A escultura apresenta o imperador em seu traje completo, e um tecido em seu ombro esquerdo. Também pode ser visto um soldado inimigo encolhido aos pés do vitorioso líder.

Trajano reinou por 19 anos, de 98 a 117 d.C.. Durante o reinado, o Império Romano vivenciou sua maior extensão em toda sua história. Englobando uma vasta região, como parte da Europa, o norte da África e partes do Oriente Médio, incluindo a Mesopotâmia.

A equipe de pesquisadores também encontrou uma inscrição da Lei Romana da Água na escavação. O documento detalha várias regras e penalidades relativas ao uso e tratamento de água doce na época.