Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Bizarro

Ex-namorada diz que fundador da Playboy já fez sexo com cachorro

Em novo documentário, Sondra Theodore afirmou que flagrou Hugh Hefner, seu então companheiro, durante o ato sórdido

Redação Publicado em 17/02/2022, às 20h00

Hugh Hefner em lançamento de filme de Sylvester Stallone, em meados de 1978 - Alan Light/ Flickr/ Creative Commons/ Wikimedia Commons
Hugh Hefner em lançamento de filme de Sylvester Stallone, em meados de 1978 - Alan Light/ Flickr/ Creative Commons/ Wikimedia Commons

Em janeiro deste ano, a emissora A&E lançou a série documental ‘Secrets of Playboy’ (ou ‘Segredos da Playboy’, em tradução livre). Agora, no mais recente episódio da produção, a ex-modelo Sondra Theodore fez revelações assustadoras sobre seu antigo namorado, Hugh Hefner, o criador da polêmica revista.

Dividida em dez partes, a nova série promete trazer, a cada novo capítulo, notícias e declarações inesperadas sobre o império de Hefner. Para isso, a produção conta com  testemunhos de ex-funcionários da Playboy e de ex-companheiras do empresário.

Lançado em 14 de fevereiro, então, o episódio intitulado de ‘O circo’ trouxe revelações, no mínimo, perturbadoras sobre Hefner. Dessa vez, Sondra Theodore, que hoje tem 65 anos e namorou com o empresário durante cinco anos, entre 1976 e 1981, afirmou que já o flagrou fazendo sexo com o cachorro do casal.

Uma vez eu cheguei e ele estava com o nosso cachorro. Eu falei, 'o que você está fazendo?'. Ele respondeu, 'bem, cachorros também têm necessidades'”, lembrou a ex-modelo. “Aí eu disse, 'pare com isso, apenas pare!'. E nunca mais voltei a deixá-lo sozinho com o cachorro. Eu não pude acreditar no que estava vendo.”

Segundo a ex-namorada do empresário, que chegou a protagonizar algumas fotos na Playboy, Hefner “dizia a todos que mesmo boas meninas gostam de sexo, sexo saudável”. Para Sondra, no entanto, “não havia nada de saudável no sexo com o Hefner, porque ele ia longe demais”, conforme narrado pela People, via UOL.

Em outro momento do documentário, a ex-modelo ainda revelou que, por diversas vezes, Hefner pediu que ela fizesse longas viagens para lhe buscar carregamentos de cocaína. “Eu estava com muita vergonha, por vários motivos, mas eu era uma 'mula' de drogas para Hef. Não significava nada para ele”, explicou Sondra.

“Era como se ele me mandasse buscar um litro de leite. Se eu fosse pega, minha vida estaria acabada", narrou ela, por fim. “Se Hef estivesse vivo, ele estaria na cadeia. E onde quer que ele esteja, não acho que seja um bom lugar. Sei que ele sabe que eu disse a verdade e sei que ele não está feliz com isso.”

Se a série 'Secrets of Playboy' viesse para o Brasil, você assistiria?

  • Com certeza!
  • Acho que não...