Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Entretenimento

"Foi lamentável na época", diz ator sobre piada com morte de Amy Winehouse

Em festa de Halloween em 2011, Neil Patrick Harris e o marido encomendaram bolo que simulava 'cadáver de Amy Winehouse'

Redação Publicado em 17/05/2022, às 15h37

Amy Winehouse e Neil Patrick Harris em montagem com o bolo - Getty Images/Divulgação/Redes sociais
Amy Winehouse e Neil Patrick Harris em montagem com o bolo - Getty Images/Divulgação/Redes sociais

Amy Winehouse foi uma cantora britânica que morreu em 23 de julho de 2011, aos 27 anos, devido a uma intoxicação por álcool. No mesmo ano, no Halloween, o ator Neil Patrick Harris e seu marido encomendaram um bolo que simulava o 'cadáver de Amy Winehouse'.

Recentemente a foto do prato reapareceu pelas redes sociais, e o ator reconheceu a piada como lamentável: "Foi lamentável na época, e continua lamentável agora", afirmou. "Amy Winehouse era um talento único em uma geração, e sinto muito por qualquer dano que essa imagem tenha causado", disse em comunicado enviado à Entertainment Weekly.

Antes de sua morte, Amy vinha chamando a atenção por conta de sua aparência, saúde e outras situações problemáticas, muitas delas envolvendo contratempos com álcool e drogas. A cantora foi encontrada morta em sua casa em Londres, após consumir quantidade de álcool cinco vezes maior do que a taxa de permissão para dirigir.

Bolo 'cadáver de Amy Winehouse'
Bolo que simulava o 'cadáver de Amy Winehouse' / Crédito: Divulgação/Redes sociais

Amy

Amy é um documentário musical dirigido pelo cineasta britânico Asif Kapadia, que conta com imagens de arquivo nas quais o diretor relata diferentes fases da vida da cantora. Desde sua adolescência até sua morte, diversos eventos são explicados, com relatos de pessoas próximas à Amy Winehouse.

O longa foi lançado em 2015 e conquistou diversos prêmios. Dentre eles, destaca-se o Oscar de Melhor Documentário de Longa Metragem, o prêmio BAFTA de Melhor Documentário e o Grammy de Melhor Vídeo Musical Longo.