Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Rússia

Guerra da Ucrânia: Embaixador da Rússia interrompe minuto de silêncio na ONU

Minuto de silêncio foi proposto em homenagem às vítimas da Guerra da Ucrânia

Redação Publicado em 24/02/2023, às 19h01

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Vasily Nebezya, embaixador russo durante cerimônia da ONU - Reprodução/Vídeo
Vasily Nebezya, embaixador russo durante cerimônia da ONU - Reprodução/Vídeo

Durante uma cerimônia realizada pela Assembleia Geral da ONU (Organização das Nações Unidas) em homenagem às vítimas da guerra da Ucrânia, nesta sexta-feira, 24, o representante da Rússia interrompeu o minuto de silêncio proposto pelo ministro das Relações Exteriores ucraniano, Dmytro Kuleba

Segundo informações do jornal britânico The Guardian, Vasily Nebezya, embaixador russo que foi nomeado para participar do evento, ressaltou que as homenagens deveriam ser feitas para todas as vítimas do conflito, não apenas os ucranianos. Em um vídeo postado no Twitter, é possível ver o momento em que Nebezya levanta e interrompe o tributo.

Todas as vidas não têm preço. Estamos nos levantando para lembrar a memória de todas as vítimas", afirmou ele. 

Votação 

Segundo informações do portal UOL, além das cerimônias que marcaram o aniversário de um ano da Guerra da Ucrânia, as autoridades fizeram uma votação a respeito da retirada das tropas russas do território ucraniano, a fim de estabelecer uma paz “justa e duradoura”. 

Entre os países que votaram a favor da retirada, estão Brasil, EUA, Alemanha, França e Reino Unido. Já Rússia, Belarus, Coreia do Norte, Nicarágua, Síria e Mali, depositaram seus votos contra a saída dos militares russos. Outros 32 países, como China e Índia, se abstiveram.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!