Notícias » Medicina

Homem morre após passar por cirurgia e ficar com tesoura no estômago na Venezuela

Paciente precisou de novo procedimento para extração do objeto, que teria sido esquecido durante um procedimento cirúrgico

Redação Publicado em 31/03/2022, às 14h25

Radiografia mostra tesoura dentro do estômago do homem
Radiografia mostra tesoura dentro do estômago do homem - Divulgação/Twitter/@EjeNoticias1

Um homem de 59 anos passou por uma cirurgia para solucionar problemas decorrentes de diverticulite inflamatória em um hospital na Venezuela e morreu cinco dias depois após precisar de uma nova cirurgia paar ter uma tesoura retirada de seu estômago.

Iván Chávez apresentou desconforto abdominal após a operação, além de engasgar e ter dificuldade para evacuar, o que fez com que a família buscasse a instituição médica novamente pouco tempo depois.

Ele não precisou ser levado até a UTI em decorrência dos desconfortos causados pela cirurgia, mas, por meio de uma radiografia, foi possível perceber que havia uma tesoura dentro do estômago do paciente.

Segundo relatou a filha do homem, Isamar Chávez, ao jornal local Noticia Al Día, o objeto teria sido esquecido pela equipe médica responsável durante o primeiro procedimento cirúrgico. Agora, os profissionais são acusados pela família de negligência.

Antes de a tesoura no estômago ser constatada, os médicos não conseguiram entender o que estava causando os sintomas no homem, que recebeu medicamentos os quais não aliviaram suas dores enquanto estava internado no Hospital Universitario de Maracaibo.

Como reportou o jornal O Globo, uma nova cirurgia foi realizada no paciente para que a ferramenta pudesse ser retirada do estômago. Embora o objeto não estivesse mais dentro de seu corpo, Iván faleceu cinco dias após o procedimento.