Notícias » Hollywood

Livro revela que Vivien Leigh sofreu overdose acidental no set de ‘E o Vento Levou’

No clássico do cinema, a atriz deu vida a personagem Scarlet O’Hara ; saiba mais

Penélope Coelho Publicado em 26/04/2022, às 14h57

Vivien Leigh em ‘E o Vento Levou’ (1939)
Vivien Leigh em ‘E o Vento Levou’ (1939) - Divulgação/Wikimedia Commons/ Domínio Público

Em livro publicado recentemente, o autor Stephen Galloway divulgou informações até então inéditas sobre a célebre atriz Vivien Leigh, que ganhou os corações em Hollywood principalmente por interpretar a personagem Scarlet O’Hara, no filme ‘E o Vento Levou’ (1939).

Na obra intitulada ‘Truly, Madly: Vivien Leigh, Laurence Olivier and the Romance of the Century (Verdadeiro, Louco: Vivien Leigh, Laurence Olivier e o Romance do Século, em tradução livre para o português), foi revelado que a atriz sofreu uma overdose acidental, durante as gravações do clássico cinematográfico.

De acordo com informações publicadas na última segunda-feira, 25, pelo portal Rolling Stone, o livro relata uma troca de cartas entre Vivien e seu marido, o ator Laurence Olivier. Na correspondência, Oliver questiona a estrela:

“Como você se atreve a tomar quatro pílulas assim, sua maluca”, escreveu o astro.

A revelação

Segundo divulgado no livro, a pergunta se referia ao fato de a atriz ter ingerido uma alta dose de remédios para controlar a ansiedade, o que acarretou na overdose acidental.

A obra revela que enquanto gravava ‘E O Vento Levou’, Leigh enfrentou diversos problemas, entre questões de saúde e também mudança de humor.

Além disso, a poeira do set irritava sua pele e causava ardência em seus olhos. Na mesma época, a atriz chegou a achar que estava grávida de Oliver, o que a deixou ainda mais nervosa.

Sobre Vivien Leigh

Uma das mais famosas atrizes de sua geração, Vivian Mary Hartley fez sucesso nas telonas e também nos palcos. Com mais de 30 anos de carreira, a estrela tem um extenso currículo, destaque para ‘E O Vento Levou (1939) e ‘Uma Rua Chamada Pecado’ (1951). Vivien Leigh morreu em 1967, aos 53 anos de idade, em decorrência de tuberculose.