Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Henry Kissinger

Dos crimes de guerra ao Nobel: Morre aos 100 anos Henry Kissinger

Henry Kissinger foi um controverso diplomata americano, vencedor de Nobel da Paz e acusado de cometer crimes de guerra em sua carreira

Redação Publicado em 30/11/2023, às 08h16

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Henry Kissinger - Getty Images
Henry Kissinger - Getty Images

Na última quarta-feira, 29, o famoso diplomata norte-americano e vencedor de um controverso Prêmio Nobel da Paz, Henry Kissinger, morreu em sua casa, aos 100 anos de idade. A informação foi divulgada pela sua empresa, a Kissinger Associates Inc, e a causa da morte ainda não foi informada.

Conforme repercutido pelo g1, Kissinger morreu em sua casa, no estado norte-americano de Connecticut. O funeral deve ser exclusivo a familiares, mas uma cerimônia pública de memorial deve ocorrer posteriormente, em Nova York.

Tendo sido uma figura de destaque nos Estados Unidos da década de 1970, com grande influência em decisões históricas relacionadas à Guerra Fria e às relações políticas externas do país. Nos últimos anos, com idade avançada, ainda era ativo, publicando livros.

Henry Kissinger em fotografia do início de 2020 / Crédito: Getty Images

Controversa carreira

Henry Kissinger nasceu na Alemanha em 1923, mas se tornou cidadão norte-americano naturalizado em 1943. Durante a década de 1970, conquistou fama devido sua forte atuação como Secretário de Estado e Conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, durante os governos de Richard Nixon e Gerald Ford.

Como membro do governo, Kissinger possui grande impacto em vários momentos bastante controversos da história norte-americana. Durante a Guerra Fria, liderou conversações com a União Soviética para controlar a corrida nuclear do período, além de tomar medidas que aproximaram o país da China comunista.

+ Quando Mao Tsé-Tung ofereceu exportar 10 milhões de mulheres para os EUA

Em meio à Guerra do Vietnã, foi ele quem trabalhou para tentar encerrar o conflito, mas suas ações impactaram diretamente na morte de milhares de civis, além de levar ao surgimento dos genocidas do Khmer Vermelho. Ainda assim, ele que negociou a eventual saída das tropas estadunidenses, o que lhe rendeu um controverso Prêmio Nobel da Paz.

Henry Kissinger quando mais jovem, em fotografia da década de 1970 / Crédito: Domínio Público via Wikimedia Commons

Além disso, ele ainda ficou conhecido por apoiar as ditaduras anticomunistas instauradas na América Latina na época, permitiu o fornecimento de equipamento militar à Indonésia em 1975, para invadir o Timor Leste — conflito que matou mais de 100 mil pessoas — e apoiou o Paquistão na Guerra de Independência de Bangladesh, em 1971, apesar das acusações de genocídio contra a nação bengali.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!