Notícias » Arqueologia

Na Índia, agricultor encontra estátua de uma das religiões mais antigas do país

O artefato possivelmente data dos séculos 8 ou 9 e pesquisadores descobriram ainda vestígios de um possível templo no local

Isabela Barreiros Publicado em 18/06/2020, às 07h00

A estátua encontrada
A estátua encontrada - Divulgação

O agricultor Oggu Anjaiah estava trabalhando em suas terras quando desenterrou uma peça rara e impressionante. A descoberta foi feita na vila de Kotlanarsimhulapalli, que fica no distrito de Karimnagar, no sul da Índia. Ele havia se deparado com uma estátua que logo percebeu ser religiosa.

Logo depois, especialistas do Departamento de Arqueologia da região foram convocados tanto para analisar o achado quanto para continuar procurando por mais vestígios antigos no local. Eles conseguiram encontrar, ainda, restos de um possível templo que estava estabelecido na vila.

Crédito: Divulgação

 

Segundo o diretor assistente do Departamento de Arqueologia, Nagaraju, a estátua é representante da antiga religião do jainismo. Ele acredita que se trata do 24º Tirthankara, Vardhamaana Mahaveer, uma figura que foi muito importante para o desenvolvimento da fé.

Os pesquisadores acreditam que o artefato remonte aos séculos 8 ou 9 d.C. É possível que monges tenham o enterrado no local, mas ainda não se sabe exatamente o motivo que os levou a isso. De acordo com Nagaraju, a vila está próxima de uma “colina chamada Bommalagutta, onde havia um mosteiro jainista”.