Notícias » Entretenimento

"Não podem nos cancelar": atriz de The Mandalorian demitida por comentário conservador anuncia filme

Após ser retirada da produção da Disney, Gina Carano começou parceria com uma plataforma de direita

Ingredi Brunato, sob supervisão de Alana Sousa Publicado em 13/02/2021, às 09h30

Fotografia de atriz interpretando personagem "Cara Dune" na série
Fotografia de atriz interpretando personagem "Cara Dune" na série - Divulgação / Disney

Após ser demitida da série The Mandalorian, da Disney, a atriz Gina Carano fechou parceria com Daily Wire, um site conservador, e anunciou o lançamento de nova produção em entrevista ao jornal Deadline, na última sexta-feira, 12. 

A celebridade foi retirada da série por conta de um comentário no qual comparou a perseguição de judeus na Alemanha nazista ao tratamento dado ao partido republicano - do qual Donald Trump faz parte - nos Estados Unidos. 

"O Daily Wire está me ajudando a realizar um dos meus sonhos, que é desenvolver e produzir meu próprio filme. Eu rezei e agora fui atendida. Mando uma mensagem a todos com medo do cancelamento por parte da máfia totalitária. Estou apenas começando a usar minha voz e espero inspirar outros a fazerem o mesmo. Não podem nos cancelar se a gente não deixar," disse Gina para o Deadline.

Ben Shapiro, que é um dos co-fundadores da plataforma conservadora, também falou com o site, dizendo que: “Nós não poderíamos estar mais animados em trabalhar com Gina Carano, um talento incrível dispensado pela Disney por ofender a esquerda autoritária de Hollywood. Esse é o motivo pelo qual o Daily Wire existe: para prover uma alternativa não apenas para consumidores, mas também para criadores que se recusam a curvar-se à maioria".