Notícias » Química

Nos 150 da tabela periódica, mais antiga tabela conhecida é encontrada na Europa

A tabela tem cerca de 135 anos e é a mais antiga que existe em toda a Europa

Alana Sousa Publicado em 01/03/2019, às 09h30

A tabela periódica moderna
A tabela periódica moderna - Getty Images

O ano de 2019 foi definido pelas Nações Unidas como o ano internacional da tabela periódica, é também o aniversário de 150 anos da criação da tabela por Dmitri Mendeleev (em 1869), e agora, para completar a celebração da química, foi encontrada em uma universidade britânica a mais antiga tabela periódica do mundo.

Durante uma limpeza no departamento de química da Universidade de St. Andrews, no Reino Unido, Dr. Alan Aitken encontrou a tabela, que logo recebeu um tratamento de conservação completo, que incluiu escovar para remover sujeira e detritos de superfície solta e separar o gráfico de seu suporte de linho pesado.

A tabela encontrada na universidade britânia  Reprodução

Eric Scerri, professor e especialista em história da tabela periódica da Universidade da Califórnia, Los Angeles, datou o objeto entre 1879 e 1886 – com base nos elementos representados. Estabelecendo assim que o gráfico de elementos tem cerca de 135 anos.

A tabela é escrita em alemão, e uma inscrição no canto inferior esquerdo identifica uma publicação científica que operou em Viena entre 1875 e 1888. Outra inscrição identifica o litógrafo do gráfico, que morreu em 1890. Estudiosos acreditam então que a tabela pode ter sido feita em 1885. É provável que seja a única sobrevivente deste período em toda a Europa. 

O professor e diretor da universidade, David O'Hagan, conta em entrevista que: “A mesma estará disponível para pesquisa e exibição em a Universidade e temos uma série de eventos planejados em 2019”.