Notícias » Estados Unidos

'Nunca Estive’, diz Bill Clinton sobre as acusações de ter ido à ilha de Epstein

O ex-presidente norte-americano foi acusado publicamente de visitar o local por uma das vítimas de Jeffrey

Penélope Coelho Publicado em 31/07/2020, às 16h44

Bill Clinton em 1993
Bill Clinton em 1993 - Wikimedia Commons

Nesta sexta-feira, 31, um porta-voz do ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, liberou um comunicado oficial para a revista Newsweek, negando às acusações de que o político tenha visitado a ilha de Jeffrey Epstein.

"Nunca estive em Little St. James Island", afirmou Clinton através de seu porta-voz. "Ele não falava com Epstein há mais de uma década, bem antes que seus terríveis crimes viessem à luz.", finalizou.

Virginia Giuffre — a mulher que acusou publicamente Jeffrey Epstein por tráfico sexual de menores de idade — afirmou que Bill Clinton foi até a ilha do financista acompanhado de duas garotas.

Giuffre disse ao seu advogado que tinha lembranças de Clinton na casa do criminoso, além disso, Virginia contou ao seu representante legal que ouviu Epstein dizer que o ex-presidente devia favores para ele. Contudo, a mulher não sabe quais favores e nem se Jeffrey falava em tom de brincadeira.

Em julho de 2019, Jeffrey foi preso e acusado de tráfico sexual de menores, o homem que havia se declarado inocente tirou a própria vida na prisão, onde esperava por seu julgamento.