Notícias » Brasil

Obra revela perturbadora história de coronel que violava crianças

'O Coronel Que Raptava Infâncias', do jornalista Matheus de Moura, investiga os casos de abusos sexuais que escandalizaram o Brasil

Victória Gearini Publicado em 01/09/2021, às 19h39

O Coronel Que Raptava Infâncias, de Matheus de Moura (2021)
O Coronel Que Raptava Infâncias, de Matheus de Moura (2021) - Divulgação / Intrínseca

Recém-lançada pela Editora Intrínseca, a obra 'O Coronel Que Raptava Infâncias', do jornalista Matheus de Moura, revela os bastidores do caso real do policial brasileiro que foi condenado por abuso infantil. Além disso, a obra expõe uma rede criminosa que atua no Rio de Janeiro.

O livro apresenta os crimes cometidos pelo coronel reformado da Polícia Militar Pedro Chavarry Duarte, que foi acusado de abusar sexualmente de menores de idade. Na época, ele usava sua posição para atrair as vítimas, muitas vezes famílias humildes e de baixo poder aquisitivo. 

Página da obra O Coronel Que Raptava Infâncias (2021) / Crédito: Divulgação / Intrínseca

 

Com a suposta ideia de que iria ajudar financeiramente as famílias e cuidar das crianças enquanto isso, Chavarry cometeia uma série de violências contra os menores de idade — sem seus respectivos responsáveis saberem. 

Já em 2017, o oficial foi condenado a 11 anos de prisão por estupro de vulnerável e corrupção ativa. 

Capa da obra O Coronel Que Raptava Infâncias (2021) / Crédito: Divulgação / Intrínseca

 

Por meio de uma investigação minuciosa, o livro expõe o a vulnerabilidade da população mais pobre do Rio de Janeiro e revela, ainda, os bastidores do crime que escandalizou o país. 

Para quem se interessou pelo tema, o livro já encontra-se disponível na Amazon, em formato Kindle e edição física.

Confira abaixo um trecho da obra disponível na Amazon: 

Mais uma vítima emergia do breu da rua General Espírito Santo Cardoso para a claridade do interior da 19ª Delegacia da Polícia, na Tijuca, Zona Norte do Rio de Janeiro. Vindo daquela reta casebres assemelhados a cortiços e de árvores que flertam e valsam com a os postes de iluminação, surrupiando-lhes a luz, o homem tinha o semblante de residente típico daquele reduto de classe média carioca: pele alva e bochechas coradas, quando não pálidas; na faixa dos sessenta anos e no espírito de aposentadoria; de porte honroso, trajando camisa social.  


+Saiba mais sobre a obra citada acima por meio da Amazon: 

O Coronel Que Raptava Infâncias, de Matheus de Moura (2021) - https://amzn.to/3mT4Hhm

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W