Notícias » Segunda Guerra

Pesquisadores identificam restos de piloto morto no Dia D, há 75 anos

O estadunidense pilotava um avião que caiu em 6 de junho de 1944, aos seus 23 anos

Isabela Barreiros Publicado em 15/01/2020, às 09h00

William J. McGowan, segundo tenente das Forças Aéreas do Exército dos EUA
William J. McGowan, segundo tenente das Forças Aéreas do Exército dos EUA - Domínio Público

Os restos mortais de um piloto da Segunda Guerra Mundial foram encontrados e identificados próximos à cidade de Saint-Lô, na França. O aviador em questão era o segundo tenente das Forças Aéreas do Exército dos EUA, William J. McGowan.

McGowan morreu no dia 6 de junho de 1944, aos 23 anos. O avião que ele pilotava caiu enquanto participava de uma missão durante a invasão do Dia D, na Normandia.

Especialistas investigaram o local em que o acidente aconteceu pela primeira vez em 1947. No entanto, os restos mortais do piloto foram declarados como “irrecuperáveis”, provavelmente devido à dificuldade da tecnologia da época.

Foi apenas em 2018 que eles foram recuperados e enviados para análise, a fim de revelar quem estava pilotando a aeronave que caiu. Agora, a partir dos registros dentários e evidências encontradas no local, os pesquisadores puderam afirmar que os restos pertenciam a McGowan.

De acordo com a responsável pelo procedimento, a Agência de Contabilidade POW/MIAO, o estadunidense será enterrado em julho no Cemitério Americano da Normandia, na França.