Black Friday Amazon 2021
Notícias » Estados Unidos

Polícia dos EUA fala sobre estupro filmado por passageiros de metrô: ‘Poderia ter sido interrompido’

O crime aconteceu na Filadélfia, em 13 de outubro

Redação Publicado em 20/10/2021, às 14h03

Imagem ilustrativa de vagão de metrô
Imagem ilustrativa de vagão de metrô - Divulgação/Pixabay/igorovsyannykov

Na última terça-feira, 19, a polícia dos EUA se pronunciou a respeito de um caso que ocorreu na Filadélfia e chocou o país. No dia 13 de outubro deste ano, uma mulher foi estuprada dentro do metrô, e o crime foi filmado por passageiros.

De acordo com as autoridades, o ato criminoso poderia ter sido interrompido ou até mesmo evitado, se as pessoas que viram o ocorrido tivessem usado seus celulares para acionar a polícia, ao invés de filmarem o estupro.

Segundo informações da agência de notícias Reuters, o crime durou mais de 45 minutos. Durante esse tempo, pessoas apontaram seus aparelhos de celular para o agressor — um homem de 35 anos chamado Fiston Ngoy — mas, ninguém tentou intervir.

"Havia outras pessoas no trem que testemunharam esse ato horrível, e ele poderia ter sido interrompido mais cedo se um passageiro ligasse para o 911", afirmou em comunicado enviado para a Reuters, o porta-voz do SEPTA, John Golden.

De acordo com a reportagem, o caso segue em investigação. Ngoy foi detido sob fiança de US$ 18 mil (aproximadamente R$ 100 mil na cotação atual da moeda). O sujeito deverá participar de audiência, marcada para 25 de outubro.