Notícias » Cultura

Romance histórico inédito aborda viagem no tempo durante o Brasil Colonial

"Martim Lafayette e o Contra-Tempo", de Mandi Castro mescla ficção com fatos históricos ocorridos durante o primeiro reinado

Victória Gearini Publicado em 17/03/2021, às 14h08 - Atualizado às 15h08

O Grito do Ipiranga, de Pedro Américo (1888)
O Grito do Ipiranga, de Pedro Américo (1888) - Wikimedia Commons

Recém-lançada pela Luva Editora, a obra “Martim Lafayette e o Contra-Tempo”, da escritora brasileira Mandi Castro, trata-se de um romance histórico ambientado durante o período do primeiro reinado no país. 

A partir de uma narrativa ficcional, a autora apresenta uma série de acontecimentos históricos que realmente aconteceram no Rio de Janeiro colonial. A obra acompanha a saga do brilhante jovem paulista, Martim Lafayette, que possui o dom de viajar no tempo.

[Colocar ALT]
Martim Lafayette e o Contra-Tempo, de Mandi Castro (2021) / Crédito: Divulgação / Luva Editora

Após alguns acontecimentos, o garoto se vê obrigado a voltar para o ano de 1822. Na antiga cidade carioca, o viajante se depara com figuras marcantes da história brasileira, comoDom Pedro I, a Imperatriz Leopoldina e a famosa amante do imperador, a Marquesa de Santos. 

“Um anel mágico, o gosto pela aventura e o interesse pela história do Brasil é o que nos mostra essa divertida e bem fundamentada narrativa de Mandi Castro”, disse o renomado escritor Laurentino Gomes.

Por meio de referências históricas, a autora imerge o leitor no cenário político e cultural do Brasil Colonial, passando por regiões icônicas do Rio de Janeiro, como o Palácio Quinta da Boa Vista, o Mosteiro de São Bento e a bela praia de Botafogo.

“O livro mistura um eletrizante thriller com diversos momentos da história do Brasil, carregando o leitor e a leitora numa viagem ao passado. Uma maravilhosa maneira de aprender, se divertindo”, revelou a ilustre historiadora Mary del Priore.

Outro ponto alto da obra é o protagonismo feminino apresentado de maneira excepcional por Mandi Castro. Por meio de uma linguagem envolvente, a autora apresenta importantes debates sobre o papel feminino naquela época.

“Eu realizei uma pesquisa de mais de 40 livros, artigos e cursos sobre o Brasil Colonial para entender o que se passava naquela época. Apesar da gente ter conhecimento sobre os eventos, não estamos familiarizados com os costumes e hábitos de uma época tão importante para nós”, explicou a escritora.

Disponível na Amazon, “Martim Lafayette e o Contra-Tempo”, em suma, trata-se de um livro envolvente que mescla ficção e fatos históricos, sendo uma ótima opção para os amantes desse tipo de literatura.


+Saiba mais sobre esta e outras obras relacionadas ao tema disponíveis na Amazon:

Martim Lafayette e o Contra-Tempo, de Mandi Castro (2021) - https://amzn.to/3tri34n

O Brasil Imperial (Vol. 1), de Keila Grinberg (2010) - https://amzn.to/2yXKnV8

O Castelo de Papel: Uma história de Isabel de Bragança, princesa imperial do Brasil, e Gastão de Orléans, conde d'Eu eBook Kindle, de Mary del Priore (2013) - https://amzn.to/2xv4dXo

Nostalgia imperial: Escravidão e formação da identidade nacional no Brasil do Segundo Reinado eBook Kindle, de Ricardo Salles (2014) - https://amzn.to/2y7PuSB

Cidade febril: Cortiços e epidemias na corte imperial, de Sidney Chalhoub (2018) - https://amzn.to/2VSL7DW

Justiça Infame: Crime, Escravidão e Poder no Brasil Imperial, de Yuri Costa (2019) - https://amzn.to/2YoKpQv

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W