Matérias » Curiosidades

5 rumores que tiveram consequências reais

De Luís XV a Barack Obama: sociedade já sofre com as consequências de boatos infundados há muito tempo

Isabela Barreiros Publicado em 15/11/2019, às 13h00

Luís XV da França
Luís XV da França - Wikimedia Commons

Boatos fazem parte da sociedade desde muito tempo. Mesmo que sejam apenas rumores, suas consequências podem fazer parte do mundo real. Algumas vezes, essas mentiras mais ou menos fundamentadas causaram situações horríveis, de pânico geral a mortes.

Confira 5 rumores que, por mais mentirosos que fossem, causaram problemas no mundo real.  

1. O rei Luís XV sequestrava crianças

Luís XV quando criança, em 1712 / Crédito: Wikimedia Commons

 

No ano de 1750, muitas crianças começaram a desaparecer das ruas de Paris. Em meio ao pânico generalizado, os franceses começaram a falar que o rei Luís XV estava com lepra e estava sequestrando essas crianças para que ele pudesse se banhar em seu sangue.

Na verdade, os oficiais do governo estavam as levando para casas de detenção, com o intuito de “limpar” a cidade de sujeitos indesejáveis que estavam nas ruas. Felizmente, após um tempo, os pais conseguiram encontrar seus filhos e os rumores sobre o rei acabaram sendo interrompidos.

2. Judeus estavam envenenando poços cristãos

Durante o século 14, milhares de judeus foram assassinados acusados de envenenar poços de cristãos. Existiam rumores de que Satanás estava protegendo esse grupo da peste negra em troca desse envenenamento.

Na França, cerca de 5.000 judeus foram queimados vivos, incriminados por essa ação. Em outras regiões, eles eram expulsos e seus assentamentos queimados.

3. O governo indonésio estava caçando cabeças para projetos de construção.

Em algumas regiões da Indonésia, os habitantes pensavam que, para erguer grandes construções, era preciso utilizar cabeças humanas para impedir que elas caíssem. Os caçadores de cabeças do governo, os tjoeliks, procurariam pessoas para usar nos projetos locais.

Isso aconteceu na ilha de Bornéu no ano de 1937 e, mais tarde, em 1981. Os rumores eram de que agentes do governo estavam buscando cabeças para um projeto de ponte e também para estabilizar equipamentos petrolíferos. A consequência disso foi que os moradores da região passaram a restringir suas atividades em público, para evitar serem escolhidos pelos tjoeliks.

4. Londres seria atingida por um enorme terremoto

A cidade de Londres já havia sido atingida por dois pequenos terremotos no começo do ao de 1761. Um médium, no entanto, previu que a região sofreria com uma enorme catástrofe.

Os rumores de que Londres seria destruída com um enorme terceiro terremoto fez com que inúmeras pessoas saíssem da cidade durante o dia. Algumas ficaram no campo, aguardando o previsto desastre.

5. Obama foi ferido por uma explosão na Casa Branca

Barack Obama / Crédito: Wikimedia Commons

 

Hoje em dia, os rumores podem espalhar ainda mais rápido devido às novas tecnologias, como as redes sociais. No dia 23 de abril de 2013, alguém invadiu a conta da agência de notícias estadunidense Associated Press do Twitter e postou uma mensagem polêmica.

O tweet falso alegava que explosões na Casa Branca teriam ferido o então presidente dos Estados Unidos Barack Obama. Essa brincadeira causou uma grande instabilidade nos mercados financeiros mundiais, fazendo com que empresas perdessem muito dinheiro num curto período de tempo.


Saiba mais sobre o tema através das obras abaixo

Fake News - Quando os Jornais Fingem Fazer Jornalismo, Cristian Derosa (2019)

link - https://amzn.to/2XgwrO8

Pós-Verdade: A Nova Guerra Contra os Fatos em Tempos de Fake News, Matthew D'Ancona (2018)

link - https://amzn.to/352M1iK

A Queda da Monarquia Francesa, Munro Price (2007)

link - https://amzn.to/2KnEvqR

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.