Matérias » Tecnologia

Inteligência artificial: Como a China tem revolucionado o jornalismo com a criação de âncoras robôs

Com dois apresentadores durante 24 horas por dia, a agência estatal do país surpreendeu o mundo em 2018

Wallacy Ferrari Publicado em 17/02/2021, às 10h47

Imagem do robô
Imagem do robô - Divulgação / Xinhua

Com o advento de tecnologias cada vez mais rápidas, portáteis e acessíveis, o consumo de informação acompanhou os anseios dos dispositivos; constantemente antenados e maleáveis, os veículos de comunicação produzem materiais transmídia e dedicam todo o tempo disponível para preencher colunas de notícias e matérias.

No entanto, era de compreensão geral de que a comunicação em massa era uma atividade exclusivamente humana, tendo todas as imperfeições em relação a disponibilidade, cansaço e, principalmente, por fatores cognitivos. Contudo, em 2018, a transmissão de notícias tomou um rumo diferente após uma novidade chinesa.

Pela primeira vez, um canal por assinatura dedicou um robô criado com um algoritmo especial de inteligência artificial para a transmissão de notícia. A criação, ligada durante 24 horas por dia e prometendo estar disponível em todos os dias do ano, calculava a forma de falar com base em valores treinados por humanos e, por fim, lia as notícias mais recentes produzidas por agências.

Robô criado para transmissão (esq.) e jornalista usado como base (dir.) / Créditos: Divulgação / Xinhua

 

Poder

O primeiro bot jornalista foi desenvolvido com base no jornalista chinês Qiu Hao, que não apenas gravou todas as sílabas disponíveis em mandarim em inglês, como cedeu sua imagem para Agência de Notícias Xinhua, controlada pelo governo chinês, para ser reproduzida no robô.

Com isso, o âncora artificial ainda teria o auxílio de sua reprodução real para a atualização de termos e acentuações — contestando o mito de que o repórter virtual tiraria os empregos de jornalistas reais. Porém, diferente de um ser humano, o robô conseguiu acumular 10 mil minutos ininterruptos de tela, apresentando mais de 3,4 mil notícias durante seus quatro meses iniciais.

A massiva transmissão de notícias, sempre com a mesma voz, cara e fluxo de fala impressionou a população chinesa, mas reduziu sua popularidade ao longo dos meses seguintes, devido a repetição e costume do espectador.

De acordo com o portal DTNext, a agência chegou a cogitar inserções ao vivo de uma repórter virtual, internamente apelidada de “Jia Jia”. A solução, no entanto, surgiu em fevereiro de 2019.

 

A âncora perfeita

Em sua apresentação, a robô Xin Xiaomeng já chegaria para aproximar o público do canal durante a cobertura dos dois principais eventos do país, conhecido como Duas Sessões — Conferência Consultiva Política do Povo Chinês e o Congresso Nacional do Povo — e possui um software ainda mais moderno do que o âncora anterior, produzindo reações emotivas naturais.

Com a dupla, a agência finalmente pôde ter um casal de âncoras para revezar as transmissões. Ironicamente, pois cansavam o público, mas não os jornalistas. Desde então, a dupla passa todos os minutos dos dias noticiando as principais atualizações do mundo, além dos anúncios do comitê partidário do país.

Conforme noticiado pelo TecMundo, o interesse estatal em inteligência artificial não é puramente experimental; o presidente Xi Jinping pretende transformar a China na maior potência mundial em IA até o ano de 2030, tornando-se mais uma tecnologia de exportação e, por fim, alcançando o máximo de pessoas.


+Saiba mais sobre inteligência artificial em obras disponíveis na Amazon:

Inteligência artificial Inteligência artificial, por Kai-Fu Lee (2019) - https://amzn.to/37n8CKw

Introdução à Inteligência Artificial: Uma abordagem não técnica, por Tom Taulli (2020) - https://amzn.to/2NAs9Ak

Inteligência Artificial: Algoritmos Genéticos na Prática, por Rodrigo Evangelista de Castro (2018) - https://amzn.to/3s2GoN0

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W