Matérias » Mundo

Ministro do Esporte da Bolívia destrói busto de Evo Morales

“Para nós e todos os bolivianos, Evo Morales é um delinquente”, afirmou o ministro Milton Navarro

Joseane Pereira Publicado em 14/01/2020, às 09h00

Evo Morales
Evo Morales - Getty Images

Nesta segunda-feira (13), Milton Navarro, ministro do Esporte da Bolívia, destruiu a marteladas o busto do presidente Evo Morales na cidade boliviana de Quillacollo. O ato ocorreu durante uma cerimônia de mudança do nome de um centro esportivo que antes homenageava o ex-presidente.

"Infraestruturas que foram construídas com recursos do Estado não devem ter o nome de um ditador. Não devem suportar o nome de um delinquente. Porque para nós e para todos os bolivianos, Evo Morales é um delinquente", declarou Milton Navarro, anunciando que o novo nome do centro seria Poliesportivo Olímpico de Quillacollo.

"Todos os campos esportivos foram construídos com dinheiro dos bolivianos, com dinheiro de todos vocês. E, portanto, não podemos mais tolerar que eles tenham o nome do ex-presidente que, para nós, hoje é um fugitivo da Justiça boliviana", acrescentou Navarro.